31 de janeiro de 2010

POLÍCIA CAÇA ASSASSINO DE LIU

A titular da Primeira Vara do Júri da Comarca de Itabuna, juíza Cláudia Panetta, decretou a prisão do motorista Francisco Paulo Lins da Silva, principal suspeito de assassinar a comerciante Eliane Oliveira de Almeida. Liu, como era chamada pelos amigos, teve seu cartão de crédito roubado pelo acusado, que o usou para fazer compras durante a fuga. A prisão de Francisco tinha sido pedida na quarta-feira pela delegada Sione Porto. Ela investiga o caso e apurou que Francisco Paulo assassinou a esposa com um tiro no ouvido. O crime ocorreu no bairro Pontalzinho, em Itabuna, provavelmente no início da tarde de domingo passado. Amigos de Liu iniciaram uma campanha com divulgação de foto do acusado pela Internet para tentar encontrá-lo. A polícia descobriu que a comerciante não foi a única vítima de Francisco. Ele tem mandados de prisão em aberto em São Paulo e Goiás. Em Itabuna, vinha trabalhando como motorista como se não fosse um foragido da justiça.

COLO-COLO CAI DE QUATRO E É LANTERNA

A derrota por 4 a Zero para o Feirense não poderia ser mais desastrosa para o time ilheense, que assumiu a posição de lanterna do Grupo 2, com 5 pontos. A equipe de Feira está na mesma chave de Bahia (7 pontos) e Itabuna (6 pontos), que jogam neste domingo. O Colo-Colo já estava em crise depois de perder três jogos em quatro e tinha trocado o técnico Edu Lima por Ferreira, o homem que deu ao time o título inédito de Campeão baiano em 2006. O jogo de reestreia de Ferreira, neste sábado, contra o Feirense, na casa do adversário, foi um desastre. O Colo-Colo perdeu sua quarta partida, em cinco, tomando uma goleada de 4x0. O próximo jogo será na quarta-feira à noite, em Ilhéus, contra outro time de Feira de Santana, o Fluminense. O Itabuna perdeu de um gol a zero para o Vitória da Conquista neste domingo, no estádio do adversário.

HELOÍSA HELENA LAMENTA IMPOSSIBILIDADE DE ALIANÇA COM MARINA SILVA E DESCARTA CANDIDATURA À PRESIDÊNCIA

A presidente nacional do PSOL, Heloísa Helena, lamentou o fim das negociações do seu partido com o PV e voltou a elogiar a presidenciável Marina Silva. Os dois partidos encerraram as conversas em torno de uma possível coligação por conta da união declarada de PSDB e PV no Rio de Janeiro. Embora já trabalhe para apoiar um pré-candidato no partido, Helena descartou a candidatura à Presidência e ressaltou que a decisão de encerrar as negociações poderia ser postergada. “Todos sabem que trabalhei muito para que houvesse uma aliança. Eu gostaria que não tivesse sido [encerradas as negociações]. Gostaria que a gente esperasse um pouco mais, ter trabalhado um pouco mais na intervenção do programa de gover no de Marina. Mas as condições objetivas impediram a aliança”, assegurou Helena, afirmando que "todos têm acompanhado as pressões da direção nacional" para encerrar as conversas . Apesar de já descartar a aliança, a ex-senadora não poupou elogios a Marina. “As considerações elogiosas e respeitosas que eu fiz a Marina, mantenho todas. Ela é um dos mais importantes quadros que a esquerda brasileira já produziu. Ela é competente, honesta, sensível, preparada para asumir a assumir a Presidência. Infelizmente as circunstâncias impossibilitaram a aliança”, disse. Com pelo menos mais duas pré-candidaturas lançadas, Helena acredita que a definição do nome que deve disputar a Presidência pelo PSOL deve ser acirrada e acontecerá entre o fim de março e início de abril, quando haverá uma convenção nacional do partido. Além de Martiniano Cavalcanti, os ex-deputados federais Babá e Plínio de Arruda Sampaio devem disputar o direito de ser candidato pe lo partido. Questionada se existiria um racha do partido, a ex-senadora disse que se tratam apenas de “concepções diferentes”. “Ninguém agradou a todo mundo ao mesmo tempo; nem Jesus Cristo. Nem eu, se fosse candidata, agradaria todo mundo. Tem gente do PSOL que queria que eu fosse disputar a Presidência por benefício eleitoreiro, como tinha muita gente que queria que eu fosse pelo mais belo interesse legítimo”, declarou. Além da vontade de volta ao Senado a partir de 2011, a presidente nacional do partido ainda apontou pressões internas dentro do próprio partido como um dos motivos para não se lançar pré-candidata a presidência. ”Tinha questões do PSOL, do programa, o qual não me identificava, e no congresso nacional [do partido] queriam que eu defendesse temas como a legalização do aborto, das drogas, senão não me apoiavam para a Presidência. Foi muita confusão já, então disse: ‘não tem condição de fazer assim’. E me sinto com uma dívida com o Estado de Alagoas”, apontou.

POLICIAIS CIVIS PROMETEM PARALISAÇÃO DURANTE O CARNAVAL

Em assembleia na manhã de terça-feira (26), a Polícia Civil decidiu manter a paralisação de 72 horas, durante o carnaval, até o Governo do Estado apresentar uma nova proposta para atender o pleito da categoria. Entre as reivindicações estão o aumento da diária no Carnaval, do valor pago pela insalubridade, publicação de promoções atrasadas e reajuste na aposentadoria. Ficou também decidido que na próxima quinta-feira (28), a custódia dos presos será entregue à Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH). A próxima assembléia da categoria será no dia 5 de fevereiro. CARTILHA: O sindicato também distribuiu cartilhas informando de que forma os policiais deveriam agir com os presos que forem retirados da delegacia para audiências. Eles não deverão retornar para as delegacias e serão suspensas as visitas na carceragem. A Polícia Militar também fará uma assembléia na próxima sexta-feira (29). (Manuela Matos/Samanta Uchoa).

OS BANDIDOS ESTÃO À ESPREITA DO SEU FACILO NESTE CARNAVAL

A proximidade dos festejos carnavalescos não deixa em alerta somente as polícias. É bom lembrar que os “vândalos de plantão” também ficam à espreita, aguardando o momento de displicência das pessoas para agir. Nesse caso, então, o melhor é tomar alguns cuidados de prevenção e observar regras simples que podem dificultar a ação dos que ainda teimam em afrontar as leis e as regras da boa convivência. Os bandidos neste período estão loucos por roubos e assaltos. Eles querem dinheiro para gastar na farra do rei Momo. Os principais alvos dos ladrões são as mulheres e os idosos. No caso das mulheres, os especialistas em segurança aconselham que elas não exponham jóias ou objetos de valor em públi co, tomem cuidados com as bolsas de mão e não trafeguem ou deixem bolsas e artigos de valor expostos nos carros. Já os idosos devem tomar cuidado durante os saques do dinheiro das aposentadorias e não aceitar ajuda de terceiros em caixas eletrônicos. Tais regras de segurança servem para toda a população. Também vale lembrar que muitos desses vândalos observam as residências e esperam a saída dos proprietários para agir. No ano passado a polícia registrou a atitude ousada de ladrões que paravam carros na frente das casas e levavam todos pertences do proprietário enquanto este estava fora. Nesse caso também o cuidado deve ser dobrado e a orientação das polícias é para que os donos dos imóveis tomem cuidados preventivos antes de viajar. Levando em conta que a polícia não pode estar em todos os lugares ao mesmo tempo, que parte das ações de vandalismo são cuidadosamente articuladas com antecedência e que os atos de violência ocorridos dentro dos lares dificilmente podem ser prevenidos pelas autoridades da segurança, o jeito é cada cidadão integrar esse esquema de inibição da bandidagem assumindo sua parte no processo de prevenção.

ESTÁ TUDO DEPENDENDO DO NOSSO BOM SENSO

Tem razão quem diz que “a voz do povo é a voz de Deus”, especialmente no que se refere às decisões que envolvem mudanças de comportamento. Isso está mais do que claro quando se trata do combate à dengue, cujos focos do mosquito transmissor (Aedes aegypti) estão dentro dos quintais e residências. Nesse caso, por se tratar de um espaço privado, o serviço público não entra sem ser convidado. Portanto, a iniciativa de manter o ambiente livre do mosquito deve partir do morador. O mesmo acontece com as demais campanhas de prevenção de doenças, como é o caso da leptospirose, comum nesta época do ano e causada pela urina do rato, que não deve ser alimentado por restos de produtos das cozinhas domiciliares. A voz popular também define se o trânsito se tornará mais harmonioso, independentemente da campanha preventiva que está sendo feita para evitar a asfixia do tráfego no centro da cidade. É verdade que, nesse caso, a legislação ampara a aplicação de multas e outros artifícios que garantam a ordem, mas, ainda assim, existe a necessidade da participação ativa de cada cidadão para uma mudança completa de antigos hábitos. A participação da população é importante em qualquer mudança. Vale lembrar que neste ano também a coletividade vai definir sobre o revezamento dos seus representantes políticos. É o povo que decide quem sai e quem fica. É a participação do cidadão que define as causas de seu interesse e benefício. Vale destacar que a participação ativa de todos é importante em qualquer dessas questões, não importa da cor, crença, raça, opção sexual, grau de instrução ou cl asse social.

PRIMEIRO MUNDO, BRASIL E EDUCAÇÃO - OS ILUSIONISTAS:

Falam – autoridades do governo e deslumbrados coadjuvantes – de um Brasil já no primeiro mundo, apesar de estarmos no cueiro da nova década e do adubo da velha esperança. Para aqueles, não valem os índices altos de “coisas
ruins” e índices baixos de “coisas boas”: estão carimbando o País, de primeiro mundista. Fazem vista grossa para: Violência escandalosa; estradas rachadas, esburacadas, mal sinalizadas; drogas abraçando também as pequenas cidades até povoados; roubalheira despudorada e desenfreada na política; Saúde um caos, um descalabro cruel e sem tamanho; Prefeituras quebradas; saneamento luxo exclusivo para a metade dos brasileiros; abusos e agressões constantes ao meio ambiente; taxa de crescimento econômico próxima de zero; qualidade ridícula da Educação em todos os níveis; abaixo de um milhão a criação de novos empregos no último ano; aparelhamento policial constrangedor, acanhado; a volta da importância do setor primário exportador. São típicos do 3º mundo jogados embaixo do tapete, exaltando a elevação do padrão de consumo familiar via crédito farto e fácil para nos situarmos como se fôssemos já do primeiro mundo. Ideologia pura. Ilusionismo barato. Por outro lado, em qualquer pesquisa que se faça com adultos no Brasil sobre o maior problema local ou do país, a posição pode até ser alterada, mas o trio é constante, em tendência mais freqüente a seguinte colocação: 1º Saúde; 2º Violência/Segurança; 3º Saneamento Básico. Tendo como patrimônio maior os bens e a própria vida, focando nesses três problemas, o adulto encara os grandes e insolúveis problemas comuns. Recente pesquisa, sem intenção de validade científica, feita entre os muitos jovens do Brasil, revela um outro olhar, focado também naquilo que lhes toca mais de perto. Para eles, “o que precisa melhorar”, apontam pela ordem: 1) Educação (59,9%; Distribuição de renda (21,5%); 3º Saúde (7,7%); 4º Saneamento (6,0%), seguindo-se Emprego e Habitação, menos pontuados. Quem vivencia a Educação é seu público-alvo preferencial, os jovens, daí os quase 60% lembrados por eles. Entre os adultos a Educação aparece na 5ª ou 6ª posição, em nossas pesquisas recentes ou não. A UNESCO E O PNAD: Dados recentes da UNESCO e do PNAD corroboram a fala dos jovens e estudantes. A Educação no Brasil é de baixa qualidade, garantem as duas instituições, montadas sobre vários índices educacionais para o país. Contrariando os donos do poder e os seguidores do “por que ufano do meu país”, de gastos aloprados com propaganda, nem o Brasil, nem qualquer outra nação podem pertencer ao primeiro mundo com um quadro e posição tão ridículos na Educação. Começando pelos analfabetos, eles são 14,2 milhões (13%) de 15 anos a mais. De 15 a 17 anos projetava-se 48% dos jovens na escola, mas só há 30% deles estudando. No Nordeste (sempre ele) estão os piores índices encontrados. O chamado analfabeto funcional apresenta 30 milhões de pessoas (21%), o dobro do analfabeto genérico”. A este funcional não se é exigido saber ler e interpretar um bilhete, mas se enquadra nessa categoria aquele que não domina nem a leitura, nem a escrita ou o cálculo para seu desenvolvimento individual. Logo, o conceito é mais exigente. A culpa principal desses teimosos e vergonhosos dados se deve à “baixa atração” exercida pela escola de ensino básico. Ela detém o índice de repetência mais elevado da América Latina (18,7%). São poucos aqueles que ultrapassaram os cinco primeiros anos de estudo, onde o índice de evasão já no primeiro ano é de 13,8%, só inferior ao da Nicarágua. Uma vergonha!!! Sim, uma vergonha!!! Isso sem falar na estrutura física deficiente dos prédios escolares e as poucas horas de sala do alunado. Partindo para o ensino de 3º grau, como pensar um Brasil de primeiro mundo, quando este Governo facilitou Faculdades e Universidades, visando loucamente sair dos ridículos 9% dos jovens entre 17 a 24 anos, cursando faculdade. Projetaram para 2010 triplicar para 30% dos jovens no curso superior (nível de Argentina). Atingiram a meta? Não! Só chegaram a 13,4% muito distante da pretensão apesar de o MEC fazer sempre vista grossa para as denuncias muitas, que lhe chegam de alunos descontentes e exigentes de biblioteca, professores e laboratórios bons. Ainda sobre o ensino Superior e o Crédito “bonzinho” na propaganda do FIES (Fundo de Financiamento do Estudante do Ensino Superior), este registrou 28% de inadimplência, com juros de 6,5% e prazo de o dobro de anos cursados com financiamento. O aluno empregado ou mesmo sem emprego deve pagar parcelas altas (logo após os parabéns e o baile de formatura) esse “doutor” fica doidão, assustando quem só via o caminho do FIES para estudar na Faculdade particular. Só agora baixaram juros para 3,5% e aumentam de o triplo do tempo do estudo percorrido, para pagamento. ETA País, mais do que antes governado pelos bancos e pelos juros e lucros... Essa Caixa é tão boazinha, mas perde agora essa boquinha para o MEC, no meio de tantas outras que o Governo generoso lhe atribui. Em resumo, se nem mesmo há quantidade, pior, a baixa qualidade da Educação atrapalha o delírio do ingresso do Brasil no sonhado time do primeiro mundo, mesmo se todos os fatores outros fossem de bons índices. Com tanto analfabeto funcional não se vai muito longe, mesmo com crédito fácil e abundante (“quem quer dinheiro?”) para alavancar o crescimento de 2010. Futebol, carnaval, caipirinha, capoeira e churrasco são certamente importantes, mas não elevam nenhum país ao primeiro mundo. Reafirmo que têm razão os jovens entrevistados citando disparadamente a Educação. Duas verdades: Os países de primeiro mundo, apesar dos apertos e do “desconforto” da recente crise, nem por isso deixam de pertencer ao grupo do primeiro mundo. O contrário também é verdadeiro: com uma Educação de baixa qualidade, de “faz de conta” como a praticada no Brasil, não se chega ao primeiro mundo. (Selem Rachid Asmar: doutor em Sociologia e Diretor Presidente da SELEM SONDAGEM DE OPINIÃO).

HELOISA HELENA CONFIRMA CANDIDATURA AO SENADO

Apesar de o PSOL ter optado por candidatura própria, Heloisa Helena diz que só não confirma 100% a candidatura ao Senado porque “pode ser que eu vá para o céu antes”. “Se estiver viva, está certo. Eu tenho esse compromisso com Alagoas”, complementou. A ex-senadora ainda contou que acredita numa disputa “suja” em Alagoas e não poupa ataques aos adversários. “Eu sei da carnificina que será. Tem gente que precisa do mandato para não ir para cadeia, para cont inuar a roubar os cofres públicos ou para patrocinar orgias com o dinheiro público. O povo precisa ter o direito de escolher qualquer outro nome. O que não pode é o Estado ser o quintal de algumas figuras políticas”, disparou. Questionada sobre quem seria o político que dependeria do mandato para não “ser preso”, Helena desconversa. “Posso não [revelar]. Se não, ele compra tanta propaganda na TV. Por aqui tem gente que compra espaço de TV como quem compra laranja na esquina. Não sei como, porque pense numa coisa cara: é espaço na televisão”, disse. Além de Helena, já anunciaram candidatura ao Senado em Alagoas: o atual ocupante do cargo, Renan Calheiros (PMDB), o deputado federal Benedito de Lira (PP) e o ex-superintendente da Polícia Federal em Alagoas, José Pinto de Luna (PT). O ex-governador Ronaldo Lessa (PDT), que revelou interesse em também disputar o cargo, está avaliando um pedido do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para que d ispute o governo de Alagoas e monte o palanque de Dilma Rousseff (PT) no Estado. Sobre as constantes acusações feitas por opositores de que nunca trouxe recursos federais para Alagoas enquanto esteve no Senado, Helena fez denúncias de desvio de recursos a políticos, mais uma vez sem citar nomes. “No Congresso, o deputado e o senador têm direito a fazer emendas individuais. E quando algum vagabundo, ladrão dos cofres públicos diz que eu nunca mandei dinheiro para cá, digo que só se eu fosse idiota, uma burra completa, pois eu tinha direito a fazê-lo. Se o dinheiro não veio, foi porque alguma autoridade deliquente roubou. Ou se veio, vamos saber para onde foi. Estarei com o diário oficial para o debate. É muito mais difícil para quem não é canalha ser candidato aqui”, finalizou.

ENTREVISTA COM CARLOS LEAHY

O reporter Fábio Luciano entrevistou o ex-presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas e atual secretário de Indústria e comércio de Itabuna, Carlos Leahy, logo após a transmissão do cargo para seu sucessor Jorge Braga e das perguntas surgiram as seguintes respostas:
FL - Que avaliação o Sr. faz o que lhe acrescentou ser presidente da CDL de Itabuna, por 5 mandatos consecutivos? CL –Hoje o companheiro Braga assumindo aí a liderança da entidade com muito carinho com o apoio da Imprensa com todo o carinho que eu recebi dos amigos dos parceiros e também da imprensa eu já passei pro companheiro Braga como é que funciona como é exatamente o relacionamento que nós temos com os companheiros e com a Imprensa e com certeza ele dará continuidade a este trabalho de estar junto com vocês na divulgação na propagação do trabalho que a cdl venha a fazer porque todos nós do comércio e que assumimos um cargo como este temos a obrigação de conduzir a nossa cdl com muita responsabilidade e ainda divulgando e fazendo com que o nossocomércio cresça isso é o nosso objetivo . FL- Você usará a sua experiência, já que continua como diretor para que a entidade continue tendo bons resultados? CL- nós assumimos a diretoria promocional as campanhas que a cdl vai continuar fazendo nós vamos continuar de certa forma ajudando o companheiro Braga conversando vendo qual é a idéia dele qual é o objetivo, é dentro do coletivo dentro da idéia de toda diretoria e de nosso presidente nós vamos tentar executar da melhor maneira possível e junto com vocês da imprensa . FL- O Sr . na condição de Secretário de Indústria e comércio tem condições de fortalecer o comércio e as relações comerciais na cidade? CL- Isso nós temos essa abertura e também essa aproximação com os lojistas e isso fac ilita bastante e o nosso compromisso continua mais forte do que nunca não só como diretor promocional da cdl , e agora também como secretário de industría e comércio a responsabilidade de estar ajudando os nossos comerciantes e o nosso comércio de modo geral a industría para estar sempre crescendo . FL – O Presidente da Federação das CDLs Joaquim Fonseca disse em entrevista que não lhe faltou apoio e não faltará a Jorge Braga, a CDL é irmanada em uma família Carlos Leahy? CL- Com certeza a federação sempre foi o nosso esteio maior sempre foi o nosso apoio para que nós pudéssemos alcançar objetivos maiores sempre consultamos a federação e sempre tivemos apoio e com certeza esse apoio não faltará a nosso amigo Braga .

BIG BROTHER BRASIL, UM PROGRAMA IMBECIL

Curtir o Pedro Bial
E sentir tanta alegria É sinal de que você O mau-gosto aprecia Dá valor ao que é banal É preguiçoso mental E adora baixaria. Há muito tempo não vejo Um programa tão ‘fuleiro’ Produzido pela Globo Visando Ibope e dinheiro Que além de alienar Vai por certo atrofiar A mente do brasileiro. Me refiro ao brasileiro Que está em formação E precisa evoluir Através da Educação Mas se torna um refém Iletrado, ‘zé-ninguém’ Um escravo da ilusão. Em frente à televisão Lá está toda a família Longe da realidade Onde a bobagem fervilha Não sabendo essa gente Desprovida e inocente Desta enorme ‘armadilha’. Cuidado, Pedro Bial Chega de esculhambação Respeite o trabalhador Dessa sofrida Nação Deixe de chamar de heróis Essas girls e esses boys Que têm cara de bundão. O seu pai e a sua mãe, Querido Pedro Bial, São verdadeiros heróis E merecem nosso aval Pois tiveram que lutar Pra manter e te educar Com esforço especial. Muitos já se sentem mal Com seu discurso vazio. Pessoas inteligentes Se enchem de calafrio Porque quando você fala A sua palavra é bala A ferir o nosso brio. Um país como Brasil Carente de educação Precisa de gente grande Para dar boa lição Mas você na rede Globo Faz esse papel de bobo Enganando a Nação. Respeite, Pedro Bienal Nosso povo brasileiro Que acorda de madrugada E trabalha o dia inteiro Dar muito duro, anda rouco Paga impostos, ganha pouco: Povo HERÓI, povo guerreiro. Enquanto a sociedade Neste momento atual Se preocupa com a crise Econômica e social Você precisa entender Que queremos aprender Algo sério – não banal. Esse programa da Globo Vem nos mostrar sem engano Que tudo que ali ocorre Parece um zoológico humano Onde impera a esperteza A malandragem, a baixeza: Um cenário sub-humano. A moral e a inteligência Não são mais valorizadas. Os “heróis” protagonizam Um mundo de palhaçadas Sem critério e sem ética Em que vaidade e estética São muito mais que louvadas. Não se vê força poética Nem projeto educativo. Um mar de vulgaridade Já tornou-se imperativo. O que se vê realmente É um programa deprimente Sem nenhum objetivo. Talvez haja objetivo “professor”, Pedro Bial O que vocês tão querendo É injetar o banal Deseducando o Brasil Nesse Big Brother vil De lavagem cerebral. Isso é um desserviço Mal exemplo à juventude Que precisa de esperança Educação e atitude Porém a mediocridade Unida à banalidade Faz com que ninguém estude. É grande o constrangimento De pessoas confinadas Num espaço luxuoso Curtindo todas baladas: Corpos “belos” na piscina A gastar adrenalina: Nesse mar de palhaçadas. Se a intenção da Globo É de nos “emburrecer” Deixando o povo demente Refém do seu poder: Pois saiba que a exceção (Amantes da educação) Vai contestar a valer. A você, Pedro Bial Um mercador da ilusão Junto a poderosa Globo Que conduz nossa Nação Eu lhe peço esse favor: Reflita no seu labor E escute seu coração. E vocês caros irmãos Que estão nessa cegueira Não façam mais ligações Apoiando essa besteira. Não deem sua grana à Globo Isso é papel de bobo: Fujam dessa baboseira. E quando chegar ao fim Desse Big Brother vil Que em nada contribui Para o povo varonil Ninguém vai sentir saudade: Quem lucra é a sociedade Do nosso querido Brasil. E saiba, caro leitor Que nós somos os culpados Porque sai do nosso bolso Esses milhões desejados Que são ligações diárias Bastante desnecessárias Pra esses desocupados. A loja do BBB Vendendo só porcaria Enganando muita gente Que logo se contagia Com tanta futilidade Um mar de vulgaridade Que nunca terá valia. Chega de vulgaridade E apelo sexual. Não somos só futebol, baixaria e carnaval. Queremos Educação E também evolução No mundo espiritual. Cadê a cidadania Dos nossos educadores Dos alunos, dos políticos Poetas, trabalhadores? Seremos sempre enganados e vamos ficar calados diante de enganadores? Barreto termina assim Alertando ao Bial: Reveja logo esse equívoco Reaja à força do mal… Eleve o seu coração Tomando uma decisão Ou então: siga, animal… FIM Autor: Antonio Barreto, natural de Santa Bárbara-BA, residente em Salvador. (arirodrigues.blogspot.com).

30 de janeiro de 2010

A BAHIA EM ESTADO DE INSEGURANÇA

A insegurança na Bahia mudou a rotina dos cidadãos. A tranqüilidade exaltada por quem nasceu no Estado já faz parte de um passado distante. O medo da violência faz agora com que as pessoas invistam na própria segurança, chegando a unir grupos para enfrentá-la. A polícia vem perdendo credibilidade e já não consegue combater o crime de maneira eficaz. Essas ações da sociedade podem ser vistas espalhadas pelas cidades. As cercas elétricas se multiplicaram nesta década, assim como os serviços de segurança privada e os condomínios fechados. Juntas, as pessoas conseguem até ser mais eficientes que o sistema do Estado. Mas essas trincheiras também estão longe de serem infalíveis e ainda têm preço s inacessíveis para grande parte da população. Para chegar mais perto da classe média, os bandidos investem agora numa modalidade de violência não muito usual há bem pouco tempo na Bahia e em especial, em Itabuna: o ataque a estabelecimentos comerciais. Antes, os assaltantes preferiam vítimas indefesas, em lugares menos movimentados. Hoje, bares, lojas, restaurantes e mercadinhos são alvos comuns. Nessa abordagem, clientes e comerciantes são facilmente rendidos por criminosos bem armados e com táticas que lembram as de guerrilha. As novas ações do crime geram uma resposta das vítimas, que passam investir ainda mais em segurança para ter um pouco de tranqüilidade no comércio ou no lazer. Nos casos mais extremos, cidadãos assumem o papel da polícia e decidem combater os marginais por conta própria. Revidando ao ataque, eles arriscam por demais a vida e, na grande maioria dos casos, perdem a disputa contra os profissionais do crime. Há também a ação de milícias – forças comuns nos bairros da periferia, sobretudo de Salvador –, mas, violentas, elas costumam agir de forma inconseqüente, quebrando todas as regras legais para esse tipo de combate. Para mudar o arcaico sistema, o cidadão precisa fazer valer seus impostos e direitos. Consciente, ele vai poder, enfim, cobrar do Estado soluções práticas para expulsar o medo dessas terras.

MÉDICOS FRANCESES TENTAM PROVAR EXISTÊNCIA DO PONTO G FEMININO

Reunidos nesta sexta-feira (29), em uma conferência em Paris, ginecologistas franceses querem tentar provar a existência do 'ponto G' feminino, contrariamente às conclusões de um recente estudo britânico. Pesquisadores do King's College, de Londres, haviam divulgado, no início de janeiro, uma pesquisa afirmando que a suposta zona erógena feminina, que provocaria elevados níveis de excitação sexual e orgasmos quando estimulada, mais conhecida como ponto G, não existe. Segundo a BBC, para franceses, o estudo britânico é 'abordagem totalitária da sexualidade feminina'. Os cientistas britânicos analisaram mais de 1,8 mil m ulheres e concluíram que o ponto G seria fruto da imaginação das mulheres. 'O estudo do King's College mostra falta de respeito em relação ao que as mulheres dizem', afirma o cirurgião francês Pierre Foldès, coautor de uma técnica para reparar os danos causados por excisões do clitóris. Para o ginecologista francês, o ponto G estaria situado a uma distância de cerca de três centímetros da entrada da vagina. Sylvain Mimoun, organizador da conferência em Paris, afirma também que o ponto G é uma área que responde a um estímulo. De acordo com o especialista, não se trata de uma questão genética, mas sim de funcionalidade.

DESESPERADOS PETISTAS ESPALHAM BOATO

O boato de que o ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, pré-candidato do PMDB ao Governo, já estaria escolhendo nomes para compor o seu secretariado foi atribuído pelo líder do partido na Assembléia Legislativa, Leur Lomanto Jr “ao desespero dos adversários do ministro”, diante do crescimento da aceitação do seu nome junto ao eleitorado baiano. “Trata-se de uma informação plantada, com o objetivo, que jamais será alcançado, de desvirtuar a imagem de credibilidade conquistada pelo ministro junto ao povo baiano”, disse o líder do PMDB em resposta ao líder do Governo, Waldenor Cardoso. Ele fez questão de ressaltar que no momento, a única preocupação de Geddel é continuar cumprindo a sua missão como ministro, trabalhando pelo Brasil e contribuindo para a melhoria da qualidade de vida dos baianos. “O que irrita o governador e os seus liderados é ter que ouvir repetidamente os elogios do presidente Lula ao ministro Geddel que, inclusive, o de que ele, segundo o próprio presidente, é o seu melhor ministro”.

VEREADOR COBRA FISCALIZAÇÃO DE LEI DAS FILAS EM SUPERMERCADOS

O projeto de lei 2.122/09 que determina limite no tempo de espera em filas de supermercados e lojas de departamento instaladas no município não está sendo fiscalizada pelo Executivo. A lei foi de iniciativa do vereador Roberto de Souza (PR), determina que o tempo de espera nas filas não pode ultrapassar 20 minutos nos dias úteis - elevado para 30 minutos nas vésperas de feriados, feriados e finais de semana – para a espera nas filas dos supermercados, hipermercados e lojas de departamentos instalados em Itabuna. De acordo com o vereador, o principal objetivo da norma é acabar com o desrespeito contra os clientes em alguns supermercados da cidade. “A fiscalização do cumprimento desta norma é responsabilidade do governo municipal. A lei entrou em vigor no dia 5 de junho do ano passado e as adequações deveriam ter sido implementadas em no máximo 180 dias a partir desta data”, observa Roberto de Souza. O autor da lei completa que os clientes também deveriam ter sido incentivados por meio de campanhas, a recorrer aos órgãos de defesa do consumidor, assim como ao Ministério Público. Segundo o dispositivo, o estabelecimento que não cumprir as regras deveria receber a multa de 25 UFMs, equivalente a R$ 850,00, passando ao dobro em caso de reincidência, além da suspensão do alvará municipal para quem descumprir a disposição. “A prefeitura não está cumprindo com a obrigação de fiscalizar e aplicar punições aos infratores para que seja garantida a proteção dos clientes”, afirma Roberto. Além do tempo de espera nas filas, a lei prevê ainda o funcionamento de caixas exclusivos para idosos, gestantes, pessoas com criança de colo ou mobilidade limitada.

HAITI DENUNCIA TRÁFICO DE ÓRGÃOS E CRIANÇAS

Os Estados Unidos afirmaram nesta quinta-feira que vão trabalhar com o governo do Haiti e organizações humanitárias para proteger as crianças que ficaram órfãs ou foram separadas dos pais pelo terremoto do último dia 12. A ajuda vem um dia depois do premiê haitiano, Jean-Max Bellerive, denunciar o tráfico de crianças e de órgãos no país após o tremor. "Nós temos preocupações com os traficantes, nós temos preocupações com os pedófilos", disse o porta-voz do Departamento de Estado americano, P.J. Crowley, citado pela rede de TV CNN. "Nós vimos alguns casos nos últimos dias. Então isso é algo no qual estamos trabalhando coletivament e com estas organizações que estão ativamente tentando ajudar crianças, pessoas no local, para estarem alertas a este tipo de perigo". Crowley afirmou ainda não ter conhecimento de que qualquer criança haitiana tenha sido trazida ilegalmente os EUA. Os EUA, assim como Espanha, Holanda e França, decidiram depois do terremoto acelerar os processos de adoção de crianças haitianas já aprovados. Ele lembrou também que a polícia haitiana já tem brigadas de proteção a crianças antes mesmo do tremor. "Obviamente, estamos trabalhando com elas, mas também tentando suplementar a capacidade no local". Em entrevista à CNN na quarta-feira (27), Bellerive afirmou que "há tráfico de órgãos para crianças e outras pessoas, porque existe uma necessidade para todo tipo de órgãos". O primeiro-ministro haitiano não deu detalhes, mas quando a jornalista Christiane Amanpour perguntou se também há tráfico de crianças, Bellerive respondeu: "As informações que eu receb i dizem que sim". VULNERÁVEIS: As crianças representam 45% da população haitiana e estão entre os grupos mais vulneráveis dos sobreviventes do terremoto do último dia 12. Embora não haja um número oficial, a ONG Save The Children estima que haja 1 milhão de crianças órfãs, desacompanhadas ou que perderam ao menos um dos pais no terremoto. Muitas delas agora vagam nas ruas de Porto Príncipe em busca de comida e de algum familiar. Segundo Bellerive, o tráfico de crianças é "um dos maiores problemas que temos". O primeiro-ministro declarou que está trabalhando com as embaixadas em Porto Príncipe para proteger as crianças dos traficantes. Jean-Claude Legrand, assessor de proteção da infância do Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância), disse na semana passada que o tráfico de crianças já existia no Haiti antes do terremoto, com vínculos com redes internaci onais de adoção ilegal. Os traficantes, contudo, aproveitam tragédias como o terremoto para roubar crianças que ficaram órfãs ou cujos parentes ainda não foram encontrados. O Unicef já expressou sua preocupação com a saída de crianças supostamente órfãs do Haiti sem contar com a documentação adequada ou sem que os trâmites legais de sua adoção tenham sido concluídos. O Unicef falou inicialmente sobre 15 crianças sequestradas em hospitais haitianos, mas depois disse que precisava confirmar esse número. Na terça-feira (26), diferentes organizações do norte da República Dominicana disseram que o trânsito de crianças haitianas para cidades do país após o terremoto é alarmante.

PRIVADA EXPLODE E MUTILA FUMANTE

Uma explosão misteriosa em um banheiro público em Gana deixou um homem sem pênis e provocou ferimentos graves em seu ânus. O jornal ganense People & Places informou que, durante o mês passado, houve um acidente no terminal de carga de Kejetia, em Kumasi. Segundo testemunhas, houve uma explosão violenta que botou todo mundo para correr. Logo depois, um homem saiu do banheiro em um estado lastimável, com suas partes íntimas mutiladas pela explosão.

AS VAIAS, A PONTE E O TÚNEL

Recentemente, o jornalista Levi Vasconcelos flagrou, em um restaurante da moda na Pituba, militantes petistas planejando vaiar Caetano Veloso “nos circuitos nobres” do Carnaval baiano. A vaia seria (ou será) porque Caetano não vai votar na candidata do PT a presidente e/ou porque ele aplicou alguns adjetivos desagradáveis a Lula. Teria (ou terá), evidentemente, índole intimidatória, de terrorismo político-psicológico, de patrulhamento de ideias, na rota da Polícia do Pensamento de que fala Orwell em seu romance 1984. Regina Duarte (lembram-se?) disse que tinha medo. Em entrevista, explicando que votará na candidata do PV a presidente, a senadora Marina Silva, disse o compositor baiano exatamente o seguinte: “Marina é Lula e é Obama ao mesmo tempo”. “Ela é meio preta, é cabocla, é inteligente como o Obama, não é analfabeta como o Lula, que não sabe falar, é cafona falando, grosseiro. Ela fala bem”. Foi o bastante. O PT subiu nos cascos. Lula respondeu. Dona Canô, mãe de Caetano, pediu desculpas. Caetano cantou “Eu não peço desculpas e nem peço perdão”. Apesar do desmentido do presidente estadual do PT, Jonas Paulo, a vaia vem sendo estimulada. Isso reportou, no programa Balanço Geral, da Rede Record, o apresentador Raimundo Varela, que não é do PT. Ante sua grande audiência, lamentou um comentário de Caetano, afirmando que este declarou que o Carnaval é uma coisa “muita chata” e em seguida lembrou a idéia das vaias como uma coisa que está viva. Ora, quem sabe Caetano – mito e herói construtor do Carnaval baiano – está achando (se está) o Carnaval uma “coisa chata” para preparar a explicação de não comparecer e, assim, por-se fora do alcance de vaias. Com o que perderia mais o Carnaval do que ele. Os petistas, pelo contrário, aparentemente ganhariam. Mas às vezes as aparências enganam. Há, no entanto, uma flagrante injustiça nessa história. Se Caetano deve ser vaiado pelo que falou, pelo que escreveu, que vaia monumental merece João Ubaldo, pelo monumental artigo atacando a ponte monumental... Ubaldo falou da extinção da “Itaparica do meu coração” em holocausto aos “sacerdotes de Mamon”. Mas talvez haja uma alternativa conciliadora. Os sacerdotes de Mamon não poderiam fazer a exploração destrutiva da Ilha, mas se fartariam muito mais na própria obra. Ao invés de ponte, um túnel. Não romperia a paisagem azul de Todos os Santos, passaria mais perto do Inferno, se este for realmente “em baixo”. Sob as águas da baía, por baixo da Ilha, saindo um ou dois quilômetros continente adentro, em rodovia da qual ninguém poderia sair ou fazer retorno nos 100 primeiros quilômetros. Assim, não valeria a pena emergir do túnel e rodar 200 km para chegar à Ilha. Maiores túneis existem, o Túnel de Seikan, que liga as ilhas de Hokkaido e Honshu, no Japão, e o Eurotúnel, sob o Canal da Mancha, ligando a Inglaterra à França/Europa, com 50,5 km, muito mais que os 12 ou 13 da ponte proposta para a baía da Bahia. O túnel baiano, pois, é viável. Enterrado no chão, o túnel não seria muito visto, mas isso também tem uma solução monumental: duas estátuas de minhoca, uma em cada boca do buraco. (Ivan de Carvalho).

TERMINA PRAZO PARA QUE OS VERDES DEIXEM O GOVERNO

O presidente da Executiva Estadual do Partido Verde, Ivanilson Gomes, disse ontem que os integrantes da legenda que estão na administração do governo Jaques Wagner têm até amanhã para deixarem os seus cargos. De acordo com Gomes, foi dado um prazo de 30 dias a todos os filiados que pretendem disputar um cargo na próxima eleição, sendo a data-limite o dia 30 de janeiro, neste sábado, portanto. Estão nessa situação o secretário estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Juliano Matos, a diretora do Instituto do Meio Ambiente (IMA), Beth Wagner, além de Marcos Ferreira e Tatiana Matos, todos colocados como pré-candidatos do PV na próx ima eleição. “Soube, na semana passada, que ele vai deixar o governo. Na segunda-feira, já deveremos ter um posicionamento sobre isso”, colocou Ivanilson, se referindo ao secretário Juliano Matos. Considerando que todos estão cientes da situação, a legenda não vai aceitar desculpas para que seja postergada a saída dos governistas. “Demos um mês de tolerância para que ele pudesse arrumar as gavetas para a transição. Mas não é só deixar a secretaria. Se ele pretende ser candidato, vai ter que assumir as candidaturas do partido, tanto ao governo quanto ao Senado”, advertiu Gomes, ainda se referindo a Juliano, prometendo reação caso a decisão seja contrariada. “Caso eles insistam, nós iniciaremos um processo de expulsão por conta de indisciplina partidária”, informou. O caso do ministro da Cultura, Juca Ferreira, que também tem o mesmo posicionamento político do grupo liderado por Juliano, é diferente. Embora não tenha se manifestado em disp utar qualquer cargo no próximo pleito, Juca também terá que optar entre o governo e o PV. Segundo Ivanilson, o caso do ministro vem sendo tratado pela direção nacional da legenda. “Como Juca é ministro, há uma discussão a nível nacional em relação ao posicionamento dele. Mas, até onde eu sei, a direção nacional não vai aceitar ele continuar no governo com a candidatura de Marina”, colocou. ATIVIDADES FORTALECEM O PARTIDO: Satisfeito com o nome do empresário Guilherme Leal, co-presidente da Natura, indicado ontem como vice na chapa da senadora Marina Silva, Ivanilson Gomes informou que o PV baiano prepara uma série de atividades para os próximos meses. “Vamos a Santo Amaro no dia 31 visitar Dona Canô, (Maria) Bethânia e Caetano (Veloso), que são eleitores da Marina”, disse Gomes, referindo-se aos integrantes da Executiva e os pré-candidatos Luis Bassuma (ao governo) e Edson Duarte (ao Senado). Ivanilson informou ainda que os filiados do partido vão participar do Balaio Verde, no dia 2 de fevereiro, na Festa de Iemanjá. No dia 6 de fevereiro, na sede do Sindiquímica, acontecerá uma reunião entre os pré-candidatos da legenda para ajustar o discurso da chapa proporcional com o da majoritária. Até agora o partido conta com 34 pré-candidatos à Câmara Federal e 42 para a Assembléia Legislativa. (Evandro Matos).

ANTECIPAÇÃO DE CAMPANHA VALE PARA TODOS, DIZ MARINA

A senadora Marina Silva (PV-AC), pré-candidata à Presidência da República nas eleições deste ano, admitiu hoje que sua participação na Campus Party - encontro mundial de comunidades e redes sociais da internet realizado em São Paulo - pode ser avaliada como uma forma de campanha antecipada. "Eles anteciparam a campanha", afirmou, sem especificar a quem se referia. "Infelizmente, anteciparam. Agora, não dá para você antecipar o jogo e dizer aos demais jogadores: Não joguem. Aí fica injusto." "Obviamente não estou aqui de forma artificial", afirmou. "Vou usar a internet durante a campanha e acho que nada melhor do que vir aqui para reconhecer que ela é uma ferramenta importante." A senadora disse ter assumido um compromisso com a verdade e que não usará a internet de forma incorreta. "Eu nunca vou dizer qualquer que coisa que seja falsa ou mentirosa sobre Serra, Dilma ou Ciro", garantiu, referindo-se ao governador de São Paulo, José Serra (PSDB), à ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT), e ao deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE) - todos possíveis candidatos a presidente este ano.

AS FALHAS ESTÃO SEMPRE ACONTECENDO NAS COMUNICAÇÕES

Os meios de comunicação têm chamado de ato falho algumas situações em que se envolvem personalidades públicas. Mas, tenho minhas dúvidas. Heloísa Helena, atriz do elenco recifense do meado do século passado, foi protagonista de uma gafe quando, ao fazer uma publicidade, ao vivo na TV, de famoso refrigerante, após terminar, pensando estar o microfone desligado, disse: “Isso, gelado, já é ruim; quente, é uma droga!”. Pode-se imaginar o constrangimento causado por tal destemperança. Não gostava de fato ou disse brincando com colegas de estúdio? Chamar-se isso de ato falho? Técnico de futebo l Felipão, também teve seu dia de infortúnio. Sem saber que microfones estavam abertos às suas costas, mandou o time do Palmeiras bater sem clemência no adversário: “Do pescoço pra baixo é canela!”. Ato falho? Mais recente, Boris Casoy, âncora de TV, saindo sua imagem da tela entrando a de dois garis, vestidos a caráter, disse algo como: “Pode, a última posição na escala social, do alto de suas vassouras, desejar feliz Natal?”. Todos os telespectadores ouviram. Ato falho? Tenho cá minhas dúvidas. O sociólogo e professor da UESC, Selem Rachid Asmar, diz que “atos falhos denunciam desejos que estão em nossa mente, porém ainda não passaram para o plano consciente”. Seria o caso do locutor esportivo Luciano do Valle que, narrando o jogo LDU X Fluminense, saiu-se com essa: “Você acompanha com exclusividade aqui na Globo”. Mas, a sua emissora, no momento, era a Band. Ou da ministra da Casa Civil Dilma Rousseff, que em discurso em Copenhague deix ou dúvidas quanto a sua crença na discussão principal do evento: “O ‘meio ambiente’ é, sem dúvida nenhuma, uma ameaça ao desenvolvimento sustentável e isso significa uma ameaça para o futuro do nosso planeta e dos nossos países”. E vejam que estava lendo. Ou do presidente Lula, falando a catadores de lixo em São Paulo, no subconsciente querendo mais um mandato, disse que iria providenciar as casas prometidas o mais rápido, pois ano que vem “serei rei posto”. Desejos reprimidos? Não podemos deixar de mencionar também, o epiusódio em que o atual secretário de industria e comércio de Itabuna, Carlos Leahy, referiu-se ao então Geraldo S. de Oliveira, pelo nome de Fernando Gomes. Concluindo, o relato sobre um arcebispo que, viajando em avião de pequeno porte, passageiros preocupados, tempo ruim, longe de qualquer lugar para descer, pergunta ao piloto: “Qual a situação real pela qual estamos passando?”. O piloto: “Com certeza, vamos encontrar com Deus”. E o clérigo: “Não me diga uma miséria dessa!”. Só Freud, que nominou o ato falho, e seus seguidores podem explicar.

TRÊS PESSOAS DA MESMA FAMÍLIA SÃO SEQUESTRADAS EM ITABELA

O empresário Renato Kotait Junior, a esposa dele Graziela Brupione, e a mãe dele Rosimere Sérgio Miranda Kotait foram sequestrados por três homens armados em Trancoso, distrito de Porto Seguro, por volta das 21h de quinta-feira (28). Os criminosos usaram a caminhonete S10, placa DZW 6008, pertecente ao empresário, para sequestrar as vítimas. Segundo informações da Tv Santa Cruz, os bandidos são da cidade de Itamarajú, no sul do estado. As vítimas ficaram amarradas em uma estrada próximo à zona rural no distrito de São Paulinho, em Itamaraju. Um dos bandidos foi até a cidade de Itabela e foi preso pela polícia na madruga da desta sexta-feira (29), quanto tentava abastecer a caminhonete. Com a prisão, os policiais militares conseguiram resgatar as vítimas. De acordo com o Portal Radar 64, o empresário, a esposa, e mãe dele foram abordadas na rua e os sequestradores foram até a casa deles, onde roubaram notebook, computadores, televisor, dinheiro, entre outros objetos.

UESC DIVULGA RESULTADO DO VESTIBULAR

A Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) divulgou nesta sexta-feira (29) o resultado do Vestibular 2010. A relação dos 1.140 aprovados para os 29 cursos de graduação pode ser conferida no site www.uesc.br. O resultado do concurso seletivo foi homologado ontem (28) pelo reitor Antônio Joaquim Bastos da Silva. Os aprovados, com entrada no primeiro semestre, farão suas matrículas, para todos os cursos, de 3 a 5 de fevereiro, nos colegiados dos respectivos cu rsos, das 8 às 12 e das 13 às 16h, no Campus Soane Nazaré de Andrade, no bairro Salobrinho, em Ilhéus. Instruções mais detalhadas sobre matrícula são fornecidas pela Secretaria Geral de Cursos, através do telefone (73) 3680-5070 ou 3680-5071. O Vestibular 2010 da Uesc foi realizado nos dias 10, 11 e 12 deste mês. As provas foram aplicadas pela Consultec.

AMURC QUER REFORMA TRIBUTÁRIA E FORTALECIMENTO DOS MUNICÍPIOS

O presidente da Associação dos Municípios do Sul, Extremo-Sul e Sudoeste da Bahia (Amurc) e prefeito de Uruçuca, Moacyr Leite, participa na próxima quarta-feira (03), em Brasília, da primeira reunião de 2010, promovida pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM). Na agenda do presidente da Amurc o cumprimento do pacto federativo a ser defendido pelas entidades municipalistas, com foco numa reforma tributária que fortaleça às prefeituras com uma justa redistribuição dos recursos entre a União, Estados e Municípios. Moacyr Leite destaca que os municípios vêm perdendo recursos ao longo do tempo e o problema se agravou desde o início de 2009, com a crise econômica que tem causado perdas significativas nas receitas das prefeituras, os quais enfrentam dificuldades para manter em dia o pagamento de funcionários, fornecedores e realizar serviços básicos da administração. PESQUISA: Segundo levantamento realizado pela Amurc entre seus associados, a maioria das prefeituras enfrentou ano passado um grande aperto na hora de quitar o 13º salário do funcionalismo, sendo que algumas ainda não conseguiram sequer pagar a folha de dezembro dos servidores. “Há ainda os riscos ao quais muitos prefeitos estão submetidos, que é o de ultrapassar o limite de gastos estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal para gastos com o funcionalismo, devido à queda acentuada da arrecadação”, salienta o presidente da Amurc. O problema, segundo Moacyr Leite, é que com a decisão do Governo Federal de reduzir o Fundo de Participação dos Municípios (FPM), muitos prefeitos tiveram que adotar medidas mais drásticas, como o corte de pessoal para se enquadrar no limite de 54% estabelecido pela LRF, evitando assim a rejeição das contas pelo Tribunal de Contas dos Municípios. Leite vai cobrar da CNM uma ação mais eficaz para solucionar definitivamente os problemas enfrentados pelos municípios brasileiros, que vêm acumulando, ao longo dos últimos 13 meses, somente queda em suas receitas. “Hoje, há uma concentração cada vez maior de recursos nos cofres da União, o que contraria o pacto federativo, o qual prevê equilíbrio na repartição das verbas entre os estados e municípios”, argumenta Leite. O presidente da Amurc acredita que, para os municípios terem um pouco de fôlego e conseguirem “respirar’’ melhor, é necessário que a CNM mantenha uma postura mais rigorosa na pressão sobre o Governo Federal, com ênfase para a questão dos repasses dos recursos orçamentários, previstos pela Constituição que é injusta. “O modelo atual garante 60% do bolo para a União, 25% aos estados e sobrando apenas 15% para os municípios, que são os geradores de todos os recursos arrecadados”, complementou. REIVINDICAÇÕES: Moacyr Leite defende ainda a revisão da alíquota de 22% de INSS, que em sua opinião é perversa para os municípios brasileiros, já que os mesmos são os maiores geradores de emprego e atividades sociais e, no entanto, têm tratamento mais severo que empresas privadas. Por fim, o presidente da Amurc pretende defender a aprovação da emenda 29, que trata da repartição dos recursos para a saúde, exigindo do executivo federal a aplicação de no mínimo 10% dos recursos do orçamento na área da saúde. Mas para que tudo isso ocorra, a formação de uma bancada municipalista no Congresso Nacional é considerada fundamental por Moacyr Leite. “É preciso que os municípios tenham representação articulada na área federal, de forma que os seus interesses sejam defendidos em todos os momentos. A realidade hoje é de que quem vai para a oposição vira municipalista, mas quem está na base de sustentação do Governo Federal acomoda-se e acaba concordando com as propostas divergentes dos interesses dos municípios brasileiros, que dependem cada vez mais de uma reforma tributária que seja justa e equitativa.”

MULHERES FAZEM TIME COM SOROPOSITIVAS NA AFRICA

Em uma pequena cidade no Zimbábue, país africano onde uma em cada quatro pessoas está infectada pelo vírus HIV, um time de futebol formado inteiramente por mulheres soropositivas dá exemplo de superação, vence o preconceito e conquista a admiração de todos. É esta a historia mostrada pelo filme 'The Positive Ladies Soccer Club' (Clube de Futebol das Mulheres Positivas), da diretora Joanna Stavropoulou, produzido pela Médicos Sem Fronteiras, organização humanitária internacional independente. A revolução mostrada no documentário foi testemunhada pelo médico brasileiro Esdras da Silva Jr., que trocou o conforto do consultório em Recife pelo trabalho como infectologista da Médicos Sem Fronteiras, que atua em mais de 60 países, ajudando populações em risco. Joanna Stavropoulou, americana de origem grega, foi atleta de pentatlo moderno e chegou a integrar a equipe da Grécia em competições internacionais. Em entrevista por e-mail, ela comenta como o esporte afetou sua visão de documentarista: ' Para mim, esporte é superação das próprias barreiras. Quando eu era atleta e forçava meus limites de resistência, sentia como se tivesse chegado ao fim, mas então tinha que levantar, abrir uma nova porta e atravessar. Foi isso que vi nas mulheres do time e que desejei mostrar no filme. Elas não só tinham suas limitações – físicas e psicológicas -, como também enfrentavam adversidades impostas pela sociedade. Mas elas lutaram, forçaram a abertura de portas e cruzaram para o outro lado.Talvez por eu ter passado por experiências como atleta tenha podido ver, entender, sentir mais claramente a história daquelas mulheres - conta a diretora. Ela não era cineasta, mas, a partir do interesse na história, desenvolveu o projeto e levantou uma verba, modesta, junto à Médicos Sem Fronteiras. O filme foi bem recebido em festivais, mas, para Joanna, a maior medida de seu sucesso foi a transformação da vida daquelas mulheres. 'Mesmo quando ainda estávamos filmando, já tinha começado a fazer uma diferença. Imagine Epworth, uma cidade sem eletricidade e sem água encanada, com alta incidência de HIV. Acrescente o estigma contra os portadores do vírus, o preconceito contra a mulher, ainda maior contra a mulher esportista. Aí aparece uma equipe de filmagem seguindo as moças direto, indo às casa delas, prestando atenção ao que elas falam, indo com elas ao mercado, à igreja... De repente aquelas mulheres viram estrelas, e a comunidade começa a vê-las de uma outra maneira. No filme, uma delas diz que estava sendo tratada 'como se tivesse feito algo glorioso' - lembra Joanna. O desafio de 'The Positive Ladies...' agora é outro: a partir da exibição em outras cidades do Zimbábue, irradiou-se a mensagem contra o preconceito e vários times e ligas semelhantes foram organizados. Enquanto o filme busca conquistar platéias em outros países ond e o HIV é um flagelo, as mulheres de Epworth têm um novo desafio pela frente: ' Elas precisam treinar mais e jogar melhor do que nunca. O filme foi exibido em todo o Zimbábue e bem noticiado pela mídia local, então outras equipes estão sendo formadas e várias fazendo contato para marcar um desafio. Elas têm uma reputação a zelar agora! Soube que elas ganharam um torneio no mês passado. E sei que elas incorporaram novas jogadores, porque outras mulheres da comunidade e da clínica para portadores do HIV quiseram fazer parte do grupo - conta a diretora. As informações são do G1.

O BRASIL É UM INCINERADOR DE CÉREBROS

É comum o horror diante da brutalidade de dirigentes que queimam livros e prendem ou matam intelectuais como o imperador chinês Shih Huang Ti, que, 210 anos antes de Cristo, decidiu queimar todos os livros e matar todos os estudiosos do seu império. Até hoje, a Inquisição horroriza o imaginário da humanidade pelo crime de destruir livros e matar intelectuais durante a Idade Média. Em Berlim, no campus da universidade Humboldt, há um local de reverência indignada no lugar onde Hitler queimou milhares de livros. Mas não nos horrorizamos quando os livros são impedidos de ser escritos e os jovens de se transformarem em escritores. Indignamo-nos com a queima de livros e a prisão de escri tores, mas não com a incineração de cérebros como se faz no Brasil, ao negarmos educação ao povo. Pior do que queimadores de livros, somos incineradores de cérebros que escreveriam livros, se tivessem a chance de estudar. A história do Brasil é a história do impedimento de que livros sejam escritos e de que cientistas e intelectuais floresçam. Quando os livros são queimados, alguns se salvam. Mas se eles não são escritos, não há o que salvar. Quando os escritores se salvam, eles escrevem outros livros, mas quando não aprendem a ler, queimam-se todos os livros que poderia escrever. O Brasil é um crematório de cérebros. Ao nascer, cada ser humano traz o imenso potencial de um cérebro vivo e virgem. Como um poço de energia a ser ainda construído: pela educação. No Brasil, treze porcento dos adultos são analfabetos, apenas trinta e cinco porcento concluem o ensino médio; destes, só a metade tem uma educação básica com qualidade acima da média. Portanto, oitenta e dois porcento ficam impedidos de escrever, todos os livros que escreveriam são queimados antes de escritos. Como se o Brasil fosse um imenso crematório de inteligência. As conseqüências são perfeitamente perceptíveis: basta olhar a cara da escola pública no presente para ver a cara do País no futuro. Apesar de nossos quase 200 milhões de cérebros, o quinto maior potencial intelectual do mundo, o Brasil continuará a ser um país periférico na produção de conhecimento. Da mesma forma como a China regrediu intelectualmente depois de Shih Huang Ti; a Alemanha, com Hitler; a Península Ibérica, com a Inquisição; o Brasil está perdendo o potencial de seus cérebros interrompidos. O resultado já é visível: ineficiência, atraso, violência, desemprego, desigualdade, tolerância com a corrupção e a contravenção. Um país dividido por um muro da desigualdade que separa pobres e ricos; e separado das nações desenvolvidas. Durante ano s, falou-se no "decolar" da economia. Achava-se que para um país ter futuro bastava educar uma elite, um pequeno conjunto de profissionais superiores a serviço da economia. Formamos uma minoria no ensino superior, escolhida depois de rejeitar a imensa maioria na educação de base, e perdermos o potencial das dezenas de milhões deixadas para trás. Ou o Brasil se educa ou fracassa; ou educamos todos ou não teremos futuro e a desigualdade continuará; ou desenvolvemos um potencial científico-tecnológico, ou ficamos para trás. Se a universidade é a fábrica do futuro, o ensino fundamental é a fábrica da universidade. Sem uma professora primária que lhe tivesse ensinado as primeiras letras e as quatro operações, Albert Einstein não teria se tornado cientista. Nossos prêmios Nobel morreram antes de aprender as quatro operações. Não podemos formar inteligências enquanto formos queimadores de cérebros. Não podemos melhorar a educação superior sem uma educa ção realmente universal e de qualidade para todos. Só o pleno desenvolvimento do imenso potencial da energia intelectual dos brasileiros permitirá derrubar o muro do atraso e o muro da desigualdade. Mas isso exige que o horror que sentimos com os estrangeiros que queimavam livros e sábios, seja transferido para nós próprios, incineradores de livros que não foram escritos, de doutores que morreram analfabetos. Incineradores de cérebros. (Cristóvam Buarque).

TESTEMUNHA DO ASSASSINATO DE SINDICALISTAS É ALVEJADO COM 12 TIROS

Uma testemunha do assassinato dos professores sindicalistas da APLB/Sindicato de Porto Seguro, a 709 km de Salvador, Álvaro Henrique Santos, 28, e Elsiney Pereira dos Santos, 32, ocorridos no dia 17 de agosto do ano passado, foi alvejado com 12 tiros. O fato, que só revelado nesta sexta-feira, 29, ocorreu na noite do dia 19 deste mês e estava sob sigilo da Polícia Civil e do Ministério Público Estadual (MPE). No dia do crime, ocorrido no bairro Campinho, a testemunha foi levada em ambulância escoltada pela polícia para um hospital de Eunápolis. Sua identidade e seu paradeiro continuam sob sigilo. O promotor público estadual Dioneles Leone Santana Filho informou que a vítima do ataque será incluída no programa de proteção a testemunhas da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP/BA). Na manhã desta quinta-feira, 28, a promotoria pública fez um pedido de prova antecipada e o juiz da Vara Crime de Porto Seguro, Roberto Costa Freitas Filho, coletou o depoimento da testemunha ainda no hospital. O promotor Dioneles acompanhou o depoimento disse que o que foi dito é o mesmo que foi informado à Polícia Civil. Ele não entrou em detalhes sobre o que a testemunha disse porque a revelação disso pode prejudicar as investigações. As autoridades responsáveis pelas investigações acreditam estar perto de desvendar a morte dos professores sindicalistas. Na madrugada de quarta, 27, a Polícia Civil deflagrou uma operação e cumpriu mandados de prisão e busca e apreensão relacionados ao assassinato dos professores. Como o inquérito corre em segredo de justiça, nenhum detalhe da operação, qu e ocorreu entre as 2h e 6h, foi revelada. A polícia assegura que todos os mandados foram cumpridos. O CASO - Álvaro e Elsiney eram, respectivamente, presidente e secretário da APLB e foram mortos em uma emboscada na casa da mãe de Álvaro. Outro crime que teria ligação com o caso é o assassinato de Antônio Marcos Carvalho dos Santos, 21, ocorrido em 6 de dezembro de 2009, na porta de um bar, em Porto Seguro. Ele foi morto com seis tiros porque, segundo fontes da polícia, “sabia demais”. Antônio Marcos era motorista do secretário de Comunicação de Governo de Porto Seguro, Edésio Lima, que foi intimado no dia 6 deste mês a depor sobre o assunto. O secretário nega participação da prefeitura nos assassinatos. (Mário Bittencourt).

MEGA-SENA PODE PAGAR PRÊMIO DE R$ 9 MILHÕES HOJE

O concurso número 1.149 da Mega-Sena, que será sorteado amanhã (30), deve pagar R$ 9 milhões para a aposta que acertar as seis dezenas sorteadas, segundo estimativas da Caixa Econômica Federal. Na última quarta-feira (27), nenhum bilhete acertou os números do concurso 1.148 e o prêmio acumulou. Os números sorteados na ocasião, em Cerqueira César (SP), foram: 27 - 28 - 29 - 32 - 48 - 55. Ao todo, 37 bilhetes acertaram a quina e vão levar, cada um R$ 33.116,63. Outras 3.792 apostas fizeram a quadra e levarão R$ 461,61, cada uma. As apostas para concorrer ao próximo concurso devem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio.

29 de janeiro de 2010

QUALIDADE DO RESTAURANTE DO POVO É ATESTADA POR FREQÜENTADORES

Funcionando bem no coração da cidade, o Restaurante do Povo de Itabuna, desde quando foi reaberto, em julho do ano passado, tem sido uma referência em refeições de boa qualidade e de custo acessível. O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 11h30min às 14h30min. O restaurante serve mil refeições diariamente ao grande público e ainda atende ao Samu e ao Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti). O cardápio tem como base feijão, arroz, salada e carne, sendo servidos também suco e sobremesa. São ainda oferecidos pratos regionais, como feijoada, cozido e dobradinha, sempre muito bem recebidos pela clientela. O público que frequenta o restaurante é bastante diversificado. Os idosos (a maioria aposentados), gestantes e deficientes somam uma fatia considerável, segundo a diretora administrativa Maria das Graças de Barros. Ela afirma que a grande vantagem do Restaurante do Povo para a população mais carente está no fato de que em lugar nenhum se tem acesso a uma alimentação saudável e balanceada por apenas R$ 2,00. Outra vantagem apontada pela diretora diz respeito à comodidade do serviço, que oferece instalações amplas e relativamente confortáveis num lugar central, com uma cozinha higienizada, cardápio variado e que leva em conta as receitas mais adaptadas ao paladar local. (Rosi Barreto).

SEIS PESSOAS MORREM EM ACIDENTE ENVOLVENDO SETE CARROS EM JEQUIÉ

Um acidente na BR-116, a 20 quilômetros de Jequié, no sudoeste do estado, provocou a morte de seis pessoas na manhã desta sexta-feira (29). No total, sete veículos se envolveram em uma colisão no local conhecido com Curva da Jibóia. Quatro carros pegaram fogo. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), um veículo, com placa de Maceió, fez uma ultrapassagem indevida, e bateu de frente com um ônibus fretado que seguia de João Pessoa (PB) para Belo Horizonte (MG). Os outros veículos não conseguiram desviar e iniciaram uma série de colisões. Com o acidente, um carro de passeio, duas carretas e um caminhão tanque pegaram fogo. O Corpo de Bombeiros foi chamado para controlar as chamas. Seis corpos completamente carbonizados foram encontrados pelos bombeiros entre as ferragens. De acordo com a TV Sudoeste, os peritos acreditam que somente através de exames de arcada dentária ou DNA será possível identificar os corpos. As vítimas são: os motoristas de uma carreta e do caminhão tanque, além de dois adultos e de uma criança que estavam em um carro. Um homem, ainda não identificado, também morreu no local. Os ocupantes dos outros três veículos envolvidos no acidente, nada sofreram, inclusive os passageiros do ônibus. O motorista da outra carreta incendiada conseguiu escapar com vida. Ele foi socorrido com queimaduras pelo corpo e encaminhado para um hospital da região. Para a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a imprudência pode ter sido a principal causa do acidente. O tráfego na BR 116 ficou interrompido por pelo menos cinco horas e o congestionamento chegou a 15 quilômetros em cada sentido da rodovia.

LIMINAR DA 5ª VARA IMPEDE PARALISAÇÃO DA POLÍCIA CIVIL

Os policiais civis da Bahia devem manter a custódia de presos e não devem realizar 'paralisações que direta ou indiretamente comprometam a continuidade da prestação dos serviços de segurança pública', segundo determinou uma liminar concedida nesta sexta-feira (29) pelo juiz Mário Augusto Albiani Alves Júnior, da 5ª Vara da Fazenda Pública de Salvador. A liminar foi obtida a pedido do Estado. O Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (Sindpoc) tem prazo de 48 horas para comunicar à Justiça as medidas para reestabelecimento dos serviços - caso contrário, haverá multa diária de R$ 80 mil. “Esse é um passo importante para conscientizar a categoria para que mantenha a continuidade do serviço público de segurança. É um chamado da justiça à ordem”, disse o procurador Caio Druso Penalva Vita à Agecom.

TESTEMUNHA DO ASSASSINATO DE SINDICALISTAS É ALVEJADO COM 12 TIROS

Uma testemunha do assassinato dos professores sindicalistas da APLB/Sindicato de Porto Seguro, a 709 km de Salvador, Álvaro Henrique Santos, 28, e Elsiney Pereira dos Santos, 32, ocorridos no dia 17 de agosto do ano passado, foi alvejado com 12 tiros. O fato, que só revelado nesta sexta-feira, 29, ocorreu na noite do dia 19 deste mês e estava sob sigilo da Polícia Civil e do Ministério Público Estadual (MPE). No dia do crime, ocorrido no bairro Campinho, a testemunha foi levada em ambulância escoltada pela polícia para um hospital de Eunápolis. Sua identidade e seu paradeiro continuam sob sigilo. O promotor público estadual Dioneles Leone Santana Filho informou que a vítima do ataque será incluída no programa de proteção a testemunhas da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP/BA). Na manhã desta quinta-feira, 28, a promotoria pública fez um pedido de prova antecipada e o juiz da Vara Crime de Porto Seguro, Roberto Costa Freitas Filho, coletou o depoimento da testemunha ainda no hospital. O promotor Dioneles acompanhou o depoimento disse que o que foi dito é o mesmo que foi informado à Polícia Civil. Ele não entrou em detalhes sobre o que a testemunha disse porque a revelação disso pode prejudicar as investigações. As autoridades responsáveis pelas investigações acreditam estar perto de desvendar a morte dos professores sindicalistas. Na madrugada de quarta, 27, a Polícia Civil deflagrou uma operação e cumpriu mandados de prisão e busca e apreensão relacionados ao assassinato dos professores. Como o inquérito corre em segredo de justiça, nenhum detalhe da operação, que ocorreu entre as 2h e 6h, foi revelada. A polícia assegura que todos os mandados foram cumpridos. O CASO - Álvaro e Elsiney eram, respectivamente, presidente e secretário da APLB e foram mortos em uma emboscada na casa da mãe de Álvaro. Outro crime que teria ligação com o caso é o assassinato de Antônio Marcos Carvalho dos Santos, 21, ocorrido em 6 de dezembro de 2009, na porta de um bar, em Porto Seguro. Ele foi morto com seis tiros porque, segundo fontes da polícia, “sabia demais”. Antônio Marcos era motorista do secretário de Comunicação de Governo de Porto Seguro, Edésio Lima, que foi intimado no dia 6 deste mês a depor sobre o assunto. O secretário nega participação da prefeitura nos assassinatos. (Mário Bittencourt).

EMPRESÁRIO PODERÁ SER VICE DE MARINA SILVA EM CANDIDATURA DO PV

O empresário Guilherme Leal, presidente da Natura, recentemente filiado ao Partido Verde, pode ser o candidato à vice-presidência da República. A declaração foi feita nesta quinta-feira (28) em Porto Alegre, pela própria senadora Marina Silva, minutos antes do encontro com empresários, em reunião-almoço na sede da Federação das Associações Comerciais e de Serviços do Rio Grande do Sul (Federasul). 'Eu fiz questão que ele se filiasse em tempo hábil pelo fato da contribuição, do ponto de vista político e social, como empresário que tem trabalhado a questão da sustentabilidade', disse a s enadora que deixou claro que a vontade não é apenas dela, como também do partido. Leal acompanhou Marina no encontro com empresários gaúchos. Segundo a Agência Estado, apesar da frustrada aliança eleitoral com o PSOL, Marina assegurou que manterá uma aproximação informal com o partido, pela afinidade com a ex-senadora Heloísa Helena. A senadora criticou o que compreende estar se transformando em um plebiscito entre os governos de Fernando Henrique Cardoso e Lula nas próximas eleições presidenciais, para ver quem fez mais ou deixou de fazer. Falou também de estratégias de crescimento econômico com sustentabilidade. Ela admitiu também inexistir uma proposta pronta de governo, mas falou pontualmente de reforma tributária e criação de um imposto de renda ecológico, 'que valorize os esforços dos que querem fazer mais e melhor'.

ITAMAR FRANCO ANUNCIA CANDIDATURA AO SENADO

O ex-presidente Itamar Franco (PPS) anunciou hoje que será candidato a uma vaga no Senado por Minas Gerais na eleição de outubro. Itamar, que vinha sendo cotado como possível vice numa chapa encabeçada pelo governador de São Paulo, José Serra (PSDB), se reuniu com representantes da Executiva Estadual do PPS e disse que atendeu a um apelo do partido. A pré-candidatura do ex-presidente embaralha a disputa em Minas pelas duas cadeiras de senador. O governador Aécio Neves (PSDB) tem sustentado que será candidato à Câmara alta e o vice-presidente José Alencar, com o apoio do PT mineiro e do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, já disse que está disposto a se candidatar, caso tenha o aval da equipe médica. Na terça-feira, Itamar comunicou Aécio que no dia 10 de fevereiro deixará o cargo de presidente do Conselho de Administração do Banco de Desenvolvimento do Estado de Minas Gerais (BDMG). O ex-presidente saiu do encontro reservado afirmando que deixou "o banco de reservas" e agora calçou as "meias" e as "chuteiras". Ele já disse que apoia a candidatura do vice-governador Antônio Anastasia (PSDB) ao governo estadual e sugeriu uma campanha conjunta com Aécio. "Eu, candidato ao Senado, posso votar no governador Aécio e posso votar em mim. E espero que ele vote nele e vote em mim", ressaltou. "Evidentemente, eu espero que ele venha apoiar a minha candidatura. Eu vou apoiar a dele, é lá e cá". SERRA: Hoje, o ex-presidente voltou a cobrar uma definição em relação à chapa oposicionista na eleição para a Presidência, criticando a estratégia do governador paulista, de retardar ao máximo o anúncio de sua candidatura. "Quem é o candidato da oposição no Brasil? Nós temos candidato?", ironizou, para afirmar depois que não é tão "apaixonado assim" pela candidatura de Serra. "Se o governador Aécio me honrar em que nós participemos de uma jornada juntos, ele pode ter os amores que tiver com o governador Serra. Eu não sou tão apaixonado assim".

BASSUMA ACOMPANHA APLB E COBRA DO GOVERNO PUNIÇÃO PARA OS CRIMES DE PORTO SEGURO

A direção da APLB de Porto Seguro e comitiva saíram da reunião com o secretário da Segurança Pública, César Nunes (dia 26) sem novidade sobre o crime que abalou o município, com o assassinato dos professores e dirigentes sindicais Álvaro Henrique e Elisney, faz quatro meses. O deputados federal Luis Bassuma (PV) e o presidente da CUT, Martiniano Santos, acompanharam a direção da entidade. Na reunão, que levou 30 minutos, o secretário César Nunes informou que a investigação corre em segredo de justiça e que por isso não poderia revelar nada sobre a apuração, mas no início do mês foi ouvido o se cretário de governo, Edésio Lima, sobre quem recai muitas suspeitas, principalmente depois que o seu motorista foi também assassinado de forma misteriosa. Para o presidente da APLB de Porto Seguro, Jurandir Nascimento, "forças políticas conhecidas procuram impedir as investigações e punição dos mandantes e executores dos crimes, mas a sociedade do município e a Bahia não vão permitir que isso aconteça". Ele cobrou do secretário César Nunes mais empenho nos trabalhos e apoio ao delegado Evi Paternostro, que apura o caso, para a elucidação dos crimes e punição dos culpados. O deputado Luis Bassuma, que acompanha o caso desde que ocorreu os assassinatos, pediu aos deputados governistas coerência com o passado deles e que façam com que o governo Wagner se empenhe de verdade nesse e em outros casos para mostrar à Bahia que crimes de mando e sob orientação política não têm mais lugar no Estado. Segundo Bassuma, depois do assassinato do motorista do secre tário Edésio Lima ficou claro a natureza política dessa violência que abateu pais de famílias, assim como uma máfia age para abafar o caso. Bassuma e os professores defenderam a realização de uma audiência pública da Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados em Porto Seguro e uma ação mais enérgica do governo estadual. ENCONTROS NO INTERIOR: Com uma grande demanda a cumprir, Bassuma estreve em Porto Seguro, Eunapólis, Alcobaça, Caravelas e Teixeira de Freitas, onde participou de debates, entrevistas de rádio e encontros com lideranças sindicais, populares e do mundo político. Bem recebido por onde passa, o pré-candidato conversou com a a população através de programas como o Roda Vida (Barreiras/AM 79.0), no Acorda Cidade (Sociedade de Feira de Santana), Jornal Reverso (turma de jornalismo da Universidade Federal do Recôncavo/Cachoeira), Linha Aberta (Alagoinhas/93 FM), Manhã da Gente (Ribeira do Pombal/FM), TV Assembléia Legislativa da Bahia, Impacto (Catu/Ouro Negro 89.5), 88 Notícias (Porto Seguro/88 FM), na Eunapólis (98 FM) e RDD Notícias (Porto Seguro/FM). Dias 31, comitiva do PV e do mandato participam da Lavagem de Santo Amaro; no 2 de fevereiro, na famosa e já folclórica festa em homenagem a Yemanjá.

REVISTA HOLANDESA LANÇA CONCURSO QUE OFERECE PROGRAMA GRÁTIS COM PROSTITUTA

A revista erótica holandesa "Foxy" decidiu comemora sua centésima edição com uma promoção inusitada. Ela lançou um concurso que oferece ao vencedor um programa gratuito com uma prostituta, segundo a imprensa holandesa. A prostituta trabalha em um clube na cidade Haia e, normalmente, cobra 165 euros (cerca de R$ 485) pelo programa. Segundo a promoção, o leitor deve mandar um texto com cem palavras e dizer por que se considera o amante perfeito.

HAITIANA É RESGATADA COM VIDA EM ESCOLA 15 DIAS APÓS O TERREMOTO

Quinze dias após o terremoto que devastou Porto Príncipe, uma haitiana de 16 anos foi resgatada com vida dos escombros de uma escola na capital do país, apesar de as autoridades locais terem encerrado as operações de resgate cinco dias antes. Darlene Etienne só foi descoberta porque vizinhos estavam vasculhando os escombros de suas casas quando ouviram a voz dela e chamaram o socorro. As equipes de salvamento informaram à Karen Allen, enviada da BBC ao Haiti, que Darlene estava no banheiro da escola em que estudava quando o prédio desmoronou. Ela só sobreviveu porque bebeu água de uma banheira, disseram. "Tudo o que ela f alou foi "obrigado". Ela está muito fraca, o que sugere que ela esteve nos escombros por 15 dias", disse Samuel Bernes, líder do grupo de resgate que a salvou. Na última terça-feira, as equipes de salvamento haviam encontrado um homem de mais de 30 anos chamado Rico Dibrivell. Não se sabe se ele estava preso desde o terremoto, ou se a construção desmoronou mais tarde. Até a última quarta-feira, os times de resgate estavam vasculhando os escombros de uma universidade da capital depois da notícia de que uma mulher ainda estaria soterrada viva no local. Um amigo dela teria telefonado para o seu celular e descoberto seu paradeiro. Mas ainda não há informações de que ela tenha sido salva.

MÉDICO ACUSADO DE ESTUPRO VAI SE CASAR COM PROCURADORA

O médico Roger Abdelmassih, acusado de 56 crimes sexuais a clientes de sua clínica de reprodução assistida, em São Paulo, irá se casar com a procuradora da República Larissa Maria Sacco, em fevereiro deste ano. O médico chegou a ficar preso de agosto a dezembro, quando o presidente do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, concedeu um habeas corpus afirmando que a prisão preventiva dele era uma antecipação da pena. A informação de que Abdelmassih irá se casar, publicada pelo jornal Folha de São Paulo nesta quinta-feira (28), foi confirmada ao G1 pelo advogado dele, José Luiz de Oliveira Lima, que não forneceu mais detalhes sobre a cerimônia. O médico ficou preso de 17 de agosto a 24 de dezembro de 2009, no 40º Distrito Policial, na Vila Santa Maria, Zona Norte da capital. Mesmo em liberdade, Roger Abdelmassih vai enfrentar outras ações na Justiça. Mais 14 mulheres denunciam ter sido vítimas de abuso sexual. O Ministério Público pede indenização para as vitimas, por danos patrimoniais e morais, em valores ainda não definidos. O MP quer ainda que a clínica de reprodução assistida do médico cumpra medidas de proteção ao consumidor, entre a elas a não utilização de material genético de desconhecidos sem autorização dos pais.

MULHER GANHA R$ 15 MIL EM LOTERIA E MORRE ATROPELADA NA COMEMORAÇÃO

Enquanto comemorava ter ganho R$ 15 mil em uma loteria, da cidade de Cristal Rock, no estado americano de Ohio, uma mulher morreu atropelada por um carro, segundo autoridades. Deborah McDonald tinha acabado de sair de um bar e caminhava sozinha por uma estrada, quando aconteceu o acidente na noite de terça-feira (26), informou uma patrulha rodoviária. Ela ganhou US$ 8 mil, cerca de R$ 15, em um sorteio em um show pela TV, chamado Cash Explosion Double Play. O programa foi gravado no dia 12 de janeiro e estava programado para ser exibido no fim do mês. Os diretores do programa não informaram se vão exibir o episódio. Segundo os donos do bar, Deborah bebia com um grupo de pessoas comemorando sua vitória antes do acidente. A polícia está investigando se Deborah estava bêbada.

MARINA QUER ELEGER HELOÍSA HELENA SENADORA

A senadora Marina Silva (PV-AC) foi apaludida de pé ao ser anunciada nesta quarta-feira (27) no Fórum Social Mundial. A pré-candidata à presidência afirmou que pretende ir a Alagoas pedir votos para a ex-senadora Heloisa Helena (PSOL-AL), mesmo o depois de o referido partido ter declarado que não apoiará a candidatura da parlamentar à Presidência. A senadora salientou que o PV e o PSOL sabiam que enfrentariam dificuldades em formar uma aliança por conta das diferenças políticas. “Eu quero apoiá-la (Heloísa Helena) lá em Alagoas para que ela seja senadora. Continuamos em diálogo, ainda que a aliança formal não tenha sido possível”, destacou Marina. Com informações do A Tarde.

ALEMÃO É PRESO AO TENTAR CONTRABANDEAR 44 LAGARTIXAS NA CUECA

Um turista alemão que tentou contrabandear répteis na cueca foi preso e será deportado depois de cumprir pena de 3 meses e meio da Nova Zelândia. Hans Kurt Kubus, de 58 anos, foi pego com 44 lagartixas e pequenos lagartos em risco de extinção pela alfândega neozelandesa no aeroporto de Christchurch. Kubus, que tinha na cueca uma pochete com oito bolsos feita sob medida para trazer os répteis, admitiu que tinha intenção de contrabandeá-los para sua coleção pessoal quando veio para a Nova Zelândia.

FILHO MATA O PAI IDOSO COM PAULADAS NA CABEÇA EM ITABELA

Um filho matou o pai idoso com pauladas na cabeça em Itabela, no Sul do estado. Depois de ser agredido às 17h da quarta-feira (28), José Jesus dos Santos, 78 anos, faleceu na manhã dessa quinta-feira no Hospital Frei Ricardo. O autor do crime, Josequias da Conceição Santos, 28 anos, foi preso também nesta manhã. De acordo com o delegado de Itabela, Alberto Melo, o homicídio aconteceu depois de uma desavença entre pai e filho. Usuário de crack, Josequias pretendia vender algumas portas de madeira da casa e o pai exigiu que ele não o fizesse. Irritado, Josequias partiu para cima do idoso com um pedaço gra nde madeira e o atingiu na cabeça. No momento, outro filho da vítima estava na casa. Isaías da Conceição Santos tentou conter o irmão, mas segundo disse em seu depoimento tudo aconteceu muito rápido. Isaías também disse que o irmão tinha um comportamento muito agressivo. Socorrido por Isaía, José chegou com vida ao hospital, mas acabou falecendo nesta manhã. Na noite de ontem, a polícia militar começou a procurar por Josequias, sem sucesso. Segundo o delegado Melo, nesta manhã ele apareceu nas proximidades da delegacia, parecendo que pensava em se entregar, e foi imediatamente reconhecido e preso por um policial que estava no local. Ele está detido lá no momento.

HUGO MATOS É O NOVO TREINADOR DO ITABUNA

O Itabuna anunciou nesta quinta-feira (28) a contratação de Hugo Aparecido Matos de Oliveira como seu nome treinador. A expectativa da diretoria do clube é que o técnico já esteja com o time na próxima partida, contra o Vitória da Conquista, na casa do adversário. Hugo entra no lugar de Célio Costa, que entregou o cargo ontem após perder dentro de casa para o Bahia de Feira. O novo treinador tem 44 anos e já defendeu o Vitória, nos seus tempos de jogador. Ele também já foi treinador em clubes de Pernambuco, Paraná e no México, além da Bahia - com ele, o Fluminense de Feira foi vice-campeão baiano em 2002. O anún cio da contratação foi feito pelo presidente do Itabuna, Ricardo Xavier.

28 de janeiro de 2010

BRASÍLIA LIBERA RECURSOS E WAGNER NÃO FAZ OBRAS

Um ano após o Governo Federal ter liberado R$ 26 milhões para a execução das obras, o trecho da BR-349 entre Bom Jesus da Lapa e Santa Maria da Vitória continua intransitável, com enormes crateras ao longo dos 88 km que separam as duas cidades. A denúncia é do ex-secretário de Infraestrutura do Estado, Batista Neves, que cita a rodovia como um dos exemplos do abandono da malha rodoviária por parte do Governo do PT. Segundo o secretário, o governador chegou a anunciar o início das obras numa solenidade realizada em praça pública, em Santa Maria da Vitória, a 916 km de Salvador. Os recursos já haviam sido liberados pelo Governo Federal e a informação dada por Wagner era de que a recuperação da rodovia começaria em breve. “Ninguém sabe o que aconteceu. Conseguiu-se a liberação dos recursos, o governador anunciou as obras e até agora, um ano depois, nem indícios de que a rodovia será recuperada”, constatou o ex-secretário. Batista Neves deixou a Secretaria de Infraestrutura acompanhando a decisão do PMDB em entregar os cargos ao governador, por discordar do que o partido considerou como ausência de prioridades e incapacidade de gerenciamento do Estado, por parte do atual governo. Ele disse que durante a sua gestão na Infraestrutura, entregou a Jaques Wagner um relatório informando sobre as condições de toda a malha rodoviária da Bahia, apresentando um plano de trabalho para recuperá-la, mas que não recebeu do governador o apoio necessário para a execução das obras.“Apesar de toda a propaganda, as nossas estradas continuam esburacadas, sem condições de tráfego e o pior, colocando em risco a vida de pessoas que deveriam merecer cuidado e atenção do Estado”, reclama o ex-secretário. Ele disse que já que os recursos não foram até hoje utilizados, é necessário o governador explicar o que aconteceu com os recursos liberados para a recuperação da rodovia, “sob pena de levantar mais uma suspeita sobre o seu governo” e cobrou do governador providências efetivas para recuperar as rodovias baianas.