30 de junho de 2012

GERALDO SIMÕES É BANANEIRA QUE JÁ DEU CACHO

Em seu texto Luto e Melancolia, Freud diz que manifestações melancólicas assumem várias formas clínicas, se caracterizando, entre outros sintomas, “por uma depressão profundamente dolorosa, uma suspensão do interesse pelo mundo externo, diminuição do sentimento de auto-estima e inibição de todas as atividades.” A identificação com o objeto perdido é inevitável e, na medida em que não consegue incorporação simbólica, o que sobra ao sujeito é a identificação com o vazio de um pai ausente. Se a psicanálise sofre hoje contestações de diferentes ordens, as palavras do seu criador sobre o comportamento melancólico se encaixam como uma luva para o amontoado de tolices que o ex-prefeito Geraldo Simões diz, tentando deter e repudiar a impopularidade que o persegue desde que começou a perder seguidas eleições municipais. Sua exposição como compadre de Lula, amigo pessoal de Dilma e Wagner, rebaixou-o à dimensão de um demagogo banal, incapaz de articular um argumento além do insulto aos que não acreditam nele e o acusam inclusive de corrupção. Isso é Geraldo Simões. A exigência egoísta e egocêntrica de ser admirado o torna, paradoxalmente, um líder sem liderados. Uma referencia a ser evitada em anos eleitorais. Para quem acredita que fez um grande favor ao mundo nascendo, sua crise existencial é permanente e justificada. Afinal, deve ser duro para quem está no poder durante duas décadas, constatar que o resto do mundo político itabunense não reconhece sua importância. Pior, o que ganha realce são os erros grosseiros de um dirigente que quis ser rei massacrando todos os seus súditos. Quando se aproximam as eleições, é que nos damos contas da importância de olhar pelo retrovisor. É ele que sinaliza as perspectivas do futuro. Nesse ponto, o passado de Geraldo o condena e o submete a um presente de futuro fadado ao fracasso. Geraldo sabe que a mídia exercerá o prestimoso papel de guiar suas falas na hora de legitimar a irrelevância das suas palavras. Somente uma rádio marionete e pústulas da mídia garantem sua vida política vegetativa. Quando trama contra aliados, ou os abandona á própria sorte, apenas evidencia que sua cabeça está longe de ser privilegiada. É uma mente que destila veneno para desqualificar seus adversários. É o menestrel da política pequena buscando a facilidade da ribalta midiática e que se sustenta no peleguismo de parasitas e fantoches. O que esperar da oposição? A compaixão que deve ser concedida aos incapazes? A tentativa de Geraldo em querer eleger um “poste” para governar Itabuna, deve ser vista como movimento de descompressão da realidade. Quando, a partir da melancolia e solidão de sua maturidade, um ator político faz a volta à infância, o ridículo se apodera do cenário. Geraldo Simões não tem mais amigos. Só os venais o cercam.

TSE APROVA RESOLUÇÃO QUE INSTITUI PROGRAMA DE ACESSIBILIDADE DA JUSTIÇA ELEITORAL

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, na sessão administrativa da terça-feira (19), resolução que institui o Programa de Acessibilidade da Justiça Eleitoral, destinado ao eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida. “Pretendemos, tanto quanto possível, dar atendimento a todos que precisarem. Já nestas eleições estamos trabalhando com os Tribunais Regionais Eleitorais (TREs), que vão tentar seguir exatamente o que determina essa resolução”, afirmou a presidente do TSE, ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha, durante a sessão. De acordo com a resolução, o Programa de Acessibilidade tem como meta a implantação de medidas para remover barreiras físicas, arquitetônicas, de comunicação e de atitudes, sempre com objetivo de promover o acesso, amplo e irrestrito, com segurança e autonomia, de pessoas com deficiência ou mobilidade diminuída no processo eleitoral. A resolução determina que os TREs e as zonas eleitorais organizem um plano de ação destinado a garantir a plena acessibilidade desses cidadãos aos locais de votação. Uma das finalidades é eliminar obstáculos dentro das seções eleitorais que impeçam ou dificultem que eleitores com deficiência ou mobilidade reduzida votem. Além disso, o acesso desse eleitor aos estacionamentos nos locais de votação deverá ser liberado, sendo que as vagas próximas ao prédio em que ocorrer a votação deverão ser reservadas aos deficientes. A resolução também prevê a celebração de convênios de cooperação técnica com entidades públicas e privadas responsáveis pela administração dos prédios onde funcionem seções eleitorais. Convênios também deverão ser firmados com entidades representativas de pessoas com deficiência, que poderão auxiliar no planejamento e no aperfeiçoamento da acessibilidade na Justiça Eleitoral. O artigo 4º da resolução determina que as urnas eletrônicas, que já contam com teclas em Braille, terão de ser habilitadas com um sistema de áudio, e que os TREs terão de fornecer fones de ouvido nas seções eleitorais especiais e naquelas em que houver solicitação específica do eleitor cego ou com deficiência visual. Já o artigo 5º do documento determina que os mesários deverão ser orientados pelo TSE e pelos TREs no sentido de auxiliar e facilitar o voto dos eleitores com deficiência ou mobilidade reduzida. Deverão, inclusive, ser firmadas parcerias para incentivar o cadastramento de mesários e colaboradores com conhecimento em Libras. O artigo 6º da resolução, por sua vez, prevê que os sites dos TREs sejam adaptados para garantir o pleno acesso das pessoas com deficiência visual e que o TSE firme parcerias para disponibilizar a legislação eleitoral em áudio. (Por Ângela Góes).

MEDITANDO O EVANGELHO DE HOJE

O Evangelho de hoje nos traz uma pergunta direta feita por Jesus aos apóstolos e que se atualiza na pessoa de cada um de nós: "E vós, quem dizeis que eu sou?" Além do que aprendemos nos livros e no que ouvimos, quem é Jesus para mim? O que Ele representa na minha vida? que força tem sua presença, como Graça visível do Pai, nas minhas lutas? A outra questão trazida pelo evangelho diz respeito ao conceito de Igreja, atribuido ao templo e aos cristãos ordenados(padres, papa, bispos, religiosos, etc), conceito equivocado, pois como revelado no texto bíblico abaixo, A IGREJA FOI CONSTRUÍDA SOBRE O HOMEM, simbolizado na pessoa de Pedro:" tu és Pedro, e sobre esta pedra construirei a minha Igreja, e as forças do Inferno não poderão vencê-la." Assim A IGREJA SOMOS NÓS, cristãos batizados e batizadas, que, guiados pelo Espírito Santo, lutamos para construir o Reino de Deus, vencendo, a cada dia, o mal que está dentro e fora de nós. Evangelho (Mt 16,13-19): Naquele tempo, Jesus foi à região de Cesaréia de Filipe e ali perguntou aos discípulos: «Quem é que as pessoas dizem ser o Filho do Homem?». Eles responderam: «Alguns dizem que és João Batista; outros, Elias; outros ainda, Jeremias ou algum dos profetas». «E vós», retomou Jesus, «quem dizeis que eu sou?». Simão Pedro respondeu: «Simão Pedro respondeu: Tu és o Cristo, o Filho de Deus vivo!Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo». Jesus então declarou: «Feliz és tu, Simão, filho de Jonas, porque não foi carne e sangue quem te revelou isso, mas o meu Pai que está no céu. Por isso, eu te digo: tu és Pedro, e sobre esta pedra construirei a minha Igreja, e as forças do Inferno não poderão vencê-la. Eu te darei as chaves do Reino dos Céus: tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus». COMENTÁRIO: Mons. Pere TENA i Garriga Bispo Auxiliar Emérito de Barcelona (Barcelona, Espanha). TU ÉS O CRISTO, O FILHO DO DEUS VIVO - Hoje é um dia consagrado pelo martírio dos apóstolos São Pedro e São Paulo. «Pedro, primeiro predicador da fé; Paulo, mestre esclarecido da verdade» (Prefácio). Hoje é um dia para agradecer à fé apostólica, que é também a nossa, proclamada por estas duas colunas com sua prédica. É a fé que vence ao mundo, porque crê e anuncia que Jesus é o Filho de Deus: «Simão Pedro respondeu: Tu és o Cristo, o Filho de Deus vivo!» (Mt 16,16). As outras festas dos apóstolos São Pedro e São Paulo vêem outros aspectos, mas hoje contemplamos aquele que permite nomeá-los como «primeiros predicadores do Evangelho» (Coleta): com seu martírio confirmaram seu testemunho. Sua fé, e a força para o martírio, não lhes veio de sua capacidade humana. Jesus então lhe disse: Feliz é Simão, filho de Jonas, porque não foi a carne nem o sangue que te revelou isto, mas meu Pai que está nos céus (cf. Mt 16,17). Igualmente, o reconhecimento “daquele que ele perseguia” como Jesus o Senhor foi claramente, para Saulo, obra da graça de Deus. Em ambos os casos, a liberdade humana que pede o ato de fé se apóia na ação do Espírito. A fé dos apóstolos é a fé da Igreja, uma, santa, católica e apostólica. Desde a confissão de Pedro em Cesaréia de Felipe, «cada dia, na Igreja, Pedro continua dizendo: ‘Vós sois o Cristo, o Filho do Deus vivo!’» (São Leão Magno). Desde então até nossos dias, uma multidão de cristãos de todas as épocas, idades, culturas e, de qualquer outra coisa que possa estabelecer diferenças entre os homens, proclamou unanimemente a mesma fé vitoriosa. Pelo batismo e a crisma estamos no caminho do testemunho, isto é, do martírio. É necessário que estejamos atentos ao “laboratório da fé” que o Espírito realiza em nós (João Paulo II), e que peçamos com humildade poder experimentar a alegria da fé da Igreja. (Rita de Cássia Arcanjo dos Santos).

HIV MATA MAIS DE UM POR DIA

Um recente relatório do Programa Conjunto das Nações Unidas (Unaids) apontou que no ano de 2010, houve uma redução 700 mil óbitos no mundo em relação ao vírus HIV/AIDS, no entanto, na Bahia, o número de mortes por conta da doença ainda são assustadores. De acordo com dados da Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde do Estado, no ano de 2009 houve 494 óbitos na Bahia, sendo 198 em Salvador. Em 2010, foram registrados 477 em todo o estado, desse total, 205 na capital. O órgão não soube informar os números de óbitos ocasionados pela AIDS em 2011 e nos primeiros meses de 2012. Apesar da redução dos dados apontados pelo relatório da Unaids, especialistas acreditam que os números representam apenas os pacientes que estão cadastrados na rede pública de saúde e que tem acesso a medicação antiviral com regularidade. De acordo com o urologista especialista em andrologia, Francisco Costa Neto, não existe nenhuma notificação de casos de óbitos em relação a AIDS com pacientes da rede particular de saúde. Segundo o médico, apesar do avanço da medicina ter ajudado nos tratamentos e aumentado a expectativa de vida dos soropositivos, os números de mortes devem ser encarados com responsabilidade, já que não param de crescer na Bahia e no Brasil. Ainda de acordo com o urologista, nos últimos anos, houve um aumento de vítimas com faixa etária acima dos 60 anos na Bahia. Segundo ele, por conta da falta de ereção, muitos homens nesta idade não fazem uso de preservativo e acabam se contaminando, o que resulta em morte. O médico ressalta também que por conta das informações de que está existindo um controle da doença no Brasil, os jovens não estão se prevenindo contra o vírus HIV, o que vem aumentando o número de casos. Outro ponto que o urologista destaca é a necessidade permanente de programas e políticas públicas que desenvolvam ações educativas e preventivas junto a população principalmente em áreas carentes. “Os casais não devem se descuidar e ignorar o uso da camisinha, além de tomar outros cuidados, sendo que a prevenção ainda é o melhor remédio. Vemos uma grande movimentação de campanhas de prevenção à AIDS durante o verão e o carnaval, mas isso deveria ser assunto constante no cotidiano das pessoas”, ressaltou. 204 CASOS EM 4 MESES - Segundo informações da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), 204 novos casos de AIDS foram registrados na Bahia, de janeiro a maio deste ano. Dos infectados, 130 são homens e 74 mulheres. O número é considerado alto se comparado a todo o ano de 2011, quando foram identificados 302 pacientes com o vírus HIV. A estatística ainda pode ser maior que a divulgada, já que os dados foram atualizados somente pelo Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan) e muitos infectados pelo vírus não procuram atendimento médico. De acordo com a Sesab, de 1984 até junho do ano passado, 18302 casos foram notificados pelo Sinan e registrado no Sistema de Controle de Exames Laboratoriais da Rede Nacional de Contagem de Linfócitos (Siscel). A incidência de casos no universo masculino é quase 100% maior do que com o feminino. No total foram contabilizados, neste mesmo período, 6812 casos com mulheres e 11490 em homens. (Leidiane Brandão).

VAMOS VARRER AS PORCARIAS DA CÂMARA DE VEREADORES

Tem muita gente criticando os vereadores da nossa cidade, chamando eles de porcos e porquinhos, sem considerar o fato de que eles todos foram eleitos e consequentemente empossados como conseqüência da vontade popular. Todos são vereadores porque obtiveram votos para tanto. Nenhum foi imposto no cargo por decreto presidencial, ou judicial. Nenhum se tornou vereador por ganhos hereditários, metafísicos, ou procedências semelhantes. Todos são provenientes dos resultados das urnas eleitorais. Consequentemente, todos os nossos vereadores, bons e ruins, são efeitos cujas causas são os eleitores. E estes não podem simplesmente reclamar, pois geraram suas próprias algozes serpentes venenosas. Os vereadores ruins são decorrências das escolhas ruins dos seus próprios eleitores. Ou será que alguém se enganaria com um candidato com apelido de Porquinho? Ou será que alguém ousaria esperar algo de bom de vereadores com três, quatro mandatos sem jamais ter feito nada para melhorar a qualidade de vida das pessoas, que não fossem pertencentes as suas próprias arvores genealógicas? Se errou bastante em votar em promessas que nunca poderiam ser cumpridas. E para se eleger há candidato que promete tudo o que existe de mais estapafúrdio e irreal. Vereador nenhum pode cumprir promessa de resolver problemas que dependem de vultosos recursos, que nem prefeito e governador possuem. Para melhor exemplificar, trago à baila promessas de despoluir o rio fétido, trazer indústrias, encher a cidade de viaturas policiais e construir hospitais e escolas. Não é esta a função de um vereador, embora ele possa pleitear que os governantes assumam suas responsabilidades nestas demandas. Mas também não cabe a vereador se rebaixar a insignificância de mandatos inúteis e vexatórios. Vereador não pode ser parasita e corrupto. Eleitor não deve permanecer votando em candidato que dão sinais de que serão medíocres, imprestáveis e desonestos. E este é o momento propício para varrer essa corja suja do cenário político. Tiremos os porcos para que eles não façam da Câmara uma pocilga.

SÓ GENTE FEIA E INFLUENCIÁVEIS VOTAM EM BRUXA

Hoje vou falar sobre algo que influencia muita gente por aí, e se a pessoa for fraca do juízo segue fielmente: Mídia! Sim, A Mídia, que facilmente manipula as pessoas atualmente. Na sua parte consumista, na maneira de pensar, na maneira de falar, nas músicas que escuta, padrão de beleza, de peso, de corpo, de seios, das músicas que se deve ouvir etc. A mídia tomou um poder de grandes proporções, capaz de condicionar as pessoas em seu modo de pensar e relacionar-se na sociedade. A parte de modo de pensar/agir é influenciada principalmente pelas novelas, onde muitos jovens se utilizam das informações passadas por elas para escolherem até mesmo uma profissão, ou como agir diante de determinada situação. A mídia televisiva talvez seja a mais poderosa influenciadora... Vale lembrar, por exemplo, que em época que o governo mandava e desmandava no que podia ou não ir ao ar só passavam o que os ajudava a influenciar as pessoas a pensar de acordo com a forma de governo. Houve ainda, uma outra época em que o Brasil afundou-se em futebol (mandado pelo governo), onde passavam futebol afim de que as pessoas se desligassem dos problemas governamentais do país. Muitas garotas que querem viver nesse mundo acabam frustradas por descobrirem que de fato não vão conseguir um corpo como o da Gisele Bundchen. E muitas vezes acabam depressivas e talvez até anoréxicas. Tudo bem, a culpa não é só da mídia não! Ela tem sim a sua importância nesse mundo. A culpa é desse povo que tem probleminhas e compram qualquer idéia que é lançada por aí. Os pais tem culpa também. Deixar crianças assistindo aquela novelinha da globo, que só fala em sexo e não se vê ninguém estudando é uma atitude completamente errada. Eu, particularmente, não nego que sou consumista, principalmente louco por equipamentos eletromecânicos e aparelhos domésticos, mas não sou aquele consumista desesperado que gasta o que tem e o que não tem para ficar na moda. Eu escolho o que me agrada, tem coisas da moda que me agradam, outras não... A mídia pode ser usada tanto para o lado bom como para o ruim. Se esse povo só tende a fazer coisa errada e não tem nenhuma instrução de pais ou responsáveis o caminho é por aí mesmo. O fato é que não devemos nos deixar influenciar e mudarmos nosso modo de pensar, agir ou viver, somente porque "o cara da novela" pensa, age ou vive dessa forma. Devemos formar um mundo com cidadãos aptos a criticar o que não lhes agrada. A mídia também estará a serviços dos políticos nessas eleições de 2012. E influenciará incautos, espertalhões e muitas outras pessoas que acreditarão em tudo o que vão prometer. Neste período em que o país convive com as campanhas eleitorais, a moda será participar de grupos políticos e bradar aos quatro cantos, que suas preferências eleitorais são melhores. E muitos cabos eleitores farão tudo errado. Serão envolvidos sem consciência de suas ações e idéias. Muitos participarão por meros vinte reais, ou promessas que jamais serão cumpridas. E votarão em Porquinhos, Cavalinhos, Vaquinhas, Cadelinhas e Bruxinhas.

PSTU, PCB E PSOL NÃO DEVERÃO ELEGER VEREADOR EM ITABUNA

Os partidos com grande densidade eleitoral e que possuem prefeituráveis deverão eleger vereadores. É inimaginável DEM (Capitão Azevedo), PRB (Vane do Renascer) e PT (Juçara Feitosa) sem representantes na próxima composição do Poder Legislativo Itabunense. Estes partidos garimparam fortes candidatos e se credenciaram a facilmente atingirem o coeficiente eleitoral mínimo para elegerem vereadores. Isto não aconteceu com O PSTU (José Roberto), PCB (Pedro Eliodoro) e P-Sol (Zem Costa). Estes partidos não possuem candidaturas proporcionais suficientes, ou com perspectivas eleitorais, para acumularem 5 mil e 500 votos, que é o que está sendo previsto para o limite mínimo da votação exigida para um partido,ou coligação, eleger um vereador. São nomes politizados oriundos de seguimentos sindicais, comunitários, estudantis, sociais, mas sem consolidação eleitoral. Este fato deverá prejudicar os partidos mais radicais de esquerda e os deixar sem representação na Câmara Municipal. É isto o que prevejo, sem perspectiva de estar equivocado.

O PTN DEVE ELEGER WALTER SOCORRINHO E ROSÃNGELA

Talvez seja o PTN o partido que mais possua candidatos com boas perspectivas de se eleger. Nomes conhecidos não faltam entre os liderados do Coronel Gilberto Santana. Walter Socorrinho e a professora Rosângela são os que considero mais propensos a serem eleitos. Mas existem outros candidatos com condições palpáveis de superá-los e talvez entre eles estejam Carlito do Sarinha, Marina Silva e Edinho da Mala. Fora estes nomes, para qualquer um outro candidato, o milagre será tão grande quanto Pedro Eliodoro (PCB) ganhar de Azevedo (DEM), Vane (PRB) e Juçara (PT). É claro que não tenho nenhuma pretensão de ocupar espaços pertencentes aos videntes, mas me cabe expor o que entendo como hipótese favorável aos fatos. Se eu tivesse mil fichas para apostar, todas elas seriam destinadas as vitórias de Walter Socorrinho e da professora Rosângela. E não creio que o PTN possa eleger mais que dois vereadores. Mas as eleições e os votos estão disponíveis para o contraditório. Basta buscá-los!

ACÁCIA É HOJE O CAPITÃO FÁBIO DE ONTEM

A então prefeiturável Acácia Pinho visitou quase todos os lugares da cidade. Conversou com milhares de pessoas. Participou de diversos programas de rádio e discursou em muitos atos públicos. Suas falas gritavam contra as mazelas a que Itabuna sempre esteve submetida e culpava Azevedo, Geraldo e Fernando por este histórico contraproducente. Acácia também condenava bastante a forma ditatorial com que o PT impôs sua candidatura majoritária. E Juçara Feitosa era seu alvo principal de criticas. Quando alguém lhe perguntava sobre a possibilidade dela ser vice de Azevedo, Juçara, Vane, ou de Wenceslau, ela sempre respondia, categoricamente, que “isto era uma hipótese, humanamente impossível de acontecer”. Ela se mostrava indignada com a insistência de perguntas assim. Tudo isso também aconteceu nas eleições de 2008, quando o então candidato Capitão Fábio fez e falou tudo o que Acácia faz e fala atualmente. Capitão Fábio capitulou diante dos seus próprios verdugos. Acácia se rendeu a quem achincalhava. Ambos se reduziram à insignificância de suas ínfimas parcelas eleitorais. E entraram para a história política de Itabuna, como fantoches, marionete, Maria-vai-com-as-outras, Boneco de Ventrilóquos, quinta-coluna e substitutos dos suplentes de gandula do reserva do contra regra.

HÁ BRUXA QUE SE ACHA DIGNA DE REPRESENTAR AS MULHERES

Algumas estórias infantis revelam bruxas que se mostraram amáveis, simpáticas e afetuosas. A bruxa de Branca de Neve se apresentou como uma velhinha bondosa e lhe ofereceu uma maçã venenosa. Já a bruxa da narrativa envolvendo Joãozinho e Maria, usou sua arapuca em forma de casa toda feita de chocolate. Assim, as bruxas são mulheres dissimuladas, farsantes e malfeitosas. Suas astúcias são atrativas e suas pretensões são perversas. Elas sempre usam a mentira como poder de persuasão. E suas vítimas são continuamente inocentes, ingênuas e frágeis. É claro que poderíamos narrar diversas estórias de bruxas, para demonstrar o quanto elas são cruéis. Creio que não seja necessário. Entretanto, há uma história que eu pretendo descrever: havia numa cidade chamada Tabocas, uma bruxa megera e feiosa, que queria a todo custo, ser a mulher mais poderosa do lugar. E seu dinheiro não conseguia fazer ela atingir este intento. Nem seu relacionamento estreito com personalidades poderosas do estado, a fizeram ser importante. A única maneira da bruxa conseguir ser a mulher mais poderosa da cidade, era através do voto popular, pois este era o sistema vigente. Ninguém chegava ao poder, sem que não fosse através de eleições. Sabendo disso, a bruxa passou a se comportar como se fosse uma mulher agradável, honesta e simpática. E sorria para as pessoas que ela queria trucidar. Beijava crianças e idosos, que ela abominava. E quando visitava os eleitores na periferia, acabava tendo que beber cachaça, comer tripa frita, dizer e fazer coisas que ela repugnava. A bruxa fez tudo para enganar as pessoas. Mas não conseguiu. Perdeu as eleições, mas não perdeu sua pretensão de chegar ao poder. Persistente, ela garante que voltará a ser candidata e redobrará seus esforços para ser eleita a mulher mais poderosa do lugar. E promete que se aliará a uma mulher dondoquinha, praticinha e riquinha, para tentar se apresentar como uma mulher digna de merecer o voto das mulheres. Será que ela conseguirá ludibriar a maioria do povo? Será que ela conseguirá convencer que é digna de se apresentar como representante das mulheres? Veremos este desfecho nos próximos capítulos.

29 de junho de 2012

PSOL DENUNCIA GERALDO SIMÕES E DEMAIS DEPUTADOS DAS VENDAS DE EMENDAS

Os deputados do Psol Ivan Valente (SP) e Chico Alencar (RJ) entregaram ao presidente da Câmara, Marco Maia, representação contra os deputados João Carlos Bacelar (PR-BA) e Marcos Medrado (PDT-BA), baseada em reportagem do jornal O Globo sobre o esquema de compra e venda de emendas por esses dois parlamentares, com participação do deputado Geraldo Simões (PT-BA). O ofício tem que passar pela Presidência antes de ser encaminhado ao Conselho de Ética e Decoro Parlamentar. Na semana passada, o Psol já havia protocolado a denúncia contra Marcos Medrado e Geraldo Simões na Presidência da Câmara, para que ela fosse encaminhada à Corregedoria. Ivan Valente afirmou que o caso não pode ser esquecido: “Este caso do Bacelar é gravíssimo porque desvaloriza a Câmara e o instituto das emendas parlamentares. Pedimos ao Conselho de Ética que investigue e puna os deputados envolvidos nessa questão.” Valente também falou sobre deputados envolvidos. “O Bacelar tem contra ele provas, depoimentos e gravações. O Marcos Medrado é réu confesso porque confirmou que havia venda de emendas. Esperamos que a investigação chegue a outros parlamentares e que aqueles que praticaram estes desvios sejam punidos”, disse. Marco Maia negou, na semana passada, que haja um esquema generalizado de compra e venda de emendas parlamentares. “A denúncia, que deve ser investigada, envolve apenas três deputados. Na grande maioria dos casos, a aplicação das emendas se dá conforme a lei", ressaltou. Maia disse que as emendas são o instrumento mais democrático para aproximar o Parlamento do cidadão comum na aplicação dos recursos públicos.

POR DANOS MORAIS, RONALDINHO ACIONA FLA NA JUSTIÇA

O meia Ronaldinho Gaúcho acionou o Flamengo na Justiça em mais uma ação e agora cobra, além dos R$ 40 milhões pelo não cumprimento do contrato de trabalho e pagamento dos direitos de
imagem, outros R$ 15 milhões por danos morais. Uma das acusações envolve a divulgação, pelo departamento jurídico do clube, da existência de um suposto exame de sangue que comprovaria a presença de álcool no organismo do atleta. O vazamento de um vídeo da concentração do time em Londrina (PR), em que Ronaldinho aparece após supostamente passar a noite fora do quarto, na companhia de uma mulher, também deve ser usado contra o clube. "O Ronaldinho se viu agredido e quer reparar o dano frente aos seus amigos, familiares e o grande público, já que ele tem uma legião enorme de fãs no mundo inteiro", disse o advogado do meia, Sérgio Queiroz. O Flamengo ainda não se pronunciou.

CÂMARA DEBATE PROPOSTA DE CURA GAY

Câmara dos Deputados discutirá hoje em audiência pública a suspensão de dois dispositivos de uma resolução do Conselho Federal de Psicologia que orientam os profissionais da área a não usar a mídia para reforçar preconceitos contra os homossexuais nem propor tratamento para curá-los. O projeto, do deputado João Campos (PSDB-GO), líder da bancada evangélica na casa, abre caminho para que psicólogos tratem o homossexualismo como um transtorno. O parlamentar argumenta que as orientações restringem o trabalho dos profissionais e o direito da pessoa de receber orientação. ARGUMENTO - “Entendo que a matéria não pode ser vista apenas sob a égide de uma única classe profissional, pois alcança a sociedade de uma forma geral. O tema requer um estudo e uma análise aprofundada, levando em consideração os aspectos científicos e também sociais que o envolvem”, disse Campos. “Entendo que a matéria também deve ser submetida às pessoas que desejam buscar na psicologia ajuda em virtude de dúvidas quanto à orientação sexual”, completou o parlamentar à Agência Câmara. POLÊMICA - A proposta de Campos é derrubar dois dispositivos do conselho - o de que “os psicólogos não colaborarão com eventos e serviços que proponham tratamento e cura das homossexualidades” e o de que “os psicólogos não se pronunciarão nem participarão de pronunciamentos públicos nos meios de comunicação de massa, de modo a reforçar os preconceitos sociais existentes em relação aos homossexuais como portadores de qualquer desordem psíquica”. De acordo com a reportagem do Estado de São Paulo, a sessão de debate será realizada às 9h30 pela Comissão de Seguridade Social e Família, da qual Campos é suplente.

IBIRAPUÃ: VEREADOR É ACUSADO DE FALSIFICAR DECLARAÇÃO PARA FINS ELEITORAIS

O vereador de Ibirapuã, Anderson Amaral, e o advogado Luiz Carlos Monfardini foram denunciados pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) pela falsificação de uma declaração para fins eleitorais com o objetivo de impedir a participação de dois políticos do município do extremo-sul baiano. Os dois são acusados de promover a filiação de Andrea Carmona da Silva e Antônio Joaquim Franco ao PSD, sem autorização dos dois, para provocar duplicidade partidária. De acordo com o MPE, Amaral e Monfardini receberam a senha web de filiação na legenda do próprio presidente do diretório municipal, Waldeck Cerqueira Amaral, que não teria intimidade com a rede mundial de computadores, transferiu a incumbência de filiar partidários. Com a fraude, as vítimas ficaram impedidas de concorrer ao pleito deste ano. Anderson Amaral também é acusado de estuprar, torturar e ameaçar sua ex-companheira, Jamile Alves Lima. O edil raspou os cabelos e as sobrancelhas da mulher, exigiu que ela escrevesse uma carta em que confessava uma suposta traição e depois distribuiu pela cidade e ainda ameaçou mutilar os órgãos genitais da vítima. (www.bahianoticias.com.br).

WAGNER FAZ EDUCADOR DA REDE PARTICULAR GANHAR 30 VEZES MAIS QUE UM PROFESSOR DO ESTADO

Após a Secretaria Estadual de Educação (SEC) justificar o valor do contrato celebrado entre a pasta e a Abaís Conteúdos Educativos & Produção Cultural Ltda, o diretor da empresa, professor Jorge Portugal, resolveu se pronunciar e justificar as cifras que ultrapassam a casa do milhão, com vistas à realização de aulas de preparação para o Enem para alunos do 3º ano da rede pública de ensino. Portugal afirmou que a vultosa quantia de R$ 1.591.774,80, com recursos oriundos da SEC, se explica, entre outras coisas, pela qualidade dos docentes contratados para dar as aulas. "São professores que trabalham na rede particular, em colégios de ponta. De Anchieta, de Grandes Mestres, de Mendel, e que estão acostumados a ganhar bem", afirmou o empresário e educador, durante o aulão inaugural na Escola Parque, na Caixa D'Água. DISCREPÂNCIA - Ainda segundo ele, o contrato vai contemplar 32 assuntos, em 384 aulas. Nestas, cada professor irá ganhar R$ 250 por aula. "Eles não aceitariam ganhar menos. Esse número parece assustador, mas é nada perto dessa dificuldade social que você viu aí", complementou. Para se ter uma idéia da discrepância no valor pago aos mestres, um professor da rede estadual de ensino ganha, em média, apenas R$ 8,40 por hora-aula, segundo estimativa do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB-Sindicato). Assim, cada educador da rede particular que lecionar no projeto de Portugal, financiado com verba pública, irá ganhar 30 vezes mais que um professor do estado, de braços cruzados há quase 80 dias em luta por melhorias salariais. Para o professor Jorge Portugal, o valor é um investimento na educação. "Você vai concordar comigo que a grande pobreza da mentalidade brasileira é achar que a educação é custo e não investimento. Quando é para o rico, é investimento; quando é para o pobre, é custo", defendeu, ao tentar se esquivar das polêmicas que envolveram as cifras aportadas no projeto, definido pela SEC como "emergencial". "Respeito todos os professores da rede estadual, mas os estudantes precisam ter aula, e nós vamos apoiar [os alunos]", emendou Portugal, que também defende o reajuste da categoria na rede pública de ensino: "Os professores têm que ganhar bem, mesmo. E não é 22% não [de reajuste]. É mais do que isso". (Ângela Góes).

SEMINÁRIO “PSICOLOGIA DA GRATIDÃO” COM DIVALDO FRANCO EM ITABUNA

“Psicologia da Gratidão” é tema do Seminário que o médium e orador Espírita Divaldo Pereira Franco realizará no próximo sábado 30 de junho, às 16 horas, no auditório do Instituto de Cultura Espírita de Itabuna (ICEI), localizado na Rua Allan Kardec, 101, Jardim Italamar, próximo ao CIOMF. Baiano de Feira de Santana, o tribuno Espírita, Divaldo Pereira Franco, possui mais de 200 obras mediúnicas espalhadas em todas as partes do mundo. Os recursos oriundos das vendas destas obras são destinados à manutenção de serviços assistenciais prestados a milhares de pessoas carentes e uma das mais conhecidas é a Mansão do Caminho, em Pau da Lima, Salvador-BA, fundada por ele e amigos há mais de 50 anos. Além de ser um dos mais renomados médiuns espíritas da atualidade, Divaldo Franco vem ao longo de sua caminhada em diversas cidades do Brasil e do Exterior, se notabilizando como um humanista missionário do Amor e da Paz, além de um importante propagador das mensagens do Evangelho de Jesus Cristo. O Seminário a exemplo do Livro é um convite à reflexão sobre a importância do exercício da gratidão. “Quando se é grato, alcança-se a individuação que liberta. Para se atingir, no entanto, esse nível, o caminho é longo, atraente, fascinante e desafiador”, relata Divaldo Franco em sua obra. O investimento para o evento é de R$ 35,00 e dá direito ao livro tema do Seminário “Psicologia da Gratidão”, psicografado pelo próprio médium e ditado pela sua mentora espiritual Joanna de Ângelis. Outras informações e como adquirir o ingresso: No ICEI (73) 3212-1829 e Celular (73) 8843-3250 ou na Livraria Joanna de Ângelis (Quiosque da Praça Olinto Leoni).

MEDITANDO O EVANGELHO DE HOJE

As muitas tarefas desses últimos dias não tem me deixado tempo para enviar o evangelho àqueles a quem quero bem, o que, de certa forma, me entristece, pois comunicar a palavra de vida que vem de Deus renova minha alegria. Mas, voltando ao evangelho de hoje, o mesmo nos leva, ou deve nos levar, a uma séria reflexão sobre nossa prática cristã. Não se concebe que num país onde a quase totalidade da população se diz cristã se mate tanto, exista uma corrupção endêmica, e tantos outros outros males. Ao que parece estamos diante das palavras de Jesus: "esse povo me louva com os lábios mas seu coração está longe de mim". Cada cristão tem a responsabilidade de construir o Reino de Deus, que é de Paz e Justiça, e isso só se faz quando existe coerência entre as palavras e os atos, ou conforme o comentário ao evangelho de hoje "A nossa prece e contemplação de hoje, deve ir acompanhada por uma séria reflexão: como falo e atuo na minha vida de cristão? Como concretizo o meu testemunho? Como concretizo o mandamento do amor na minha vida pessoal, familiar, laboral, etc.? Não são as palavras nem as orações sem compromisso que contam, mas, o trabalho por viver segundo o Projeto de Deus. DIA LITÚRGICO: QUINTA-FEIRA DA 12ª SEMANA DO TEMPO COMUM - Evangelho (Mt 7,21-29): “Nem todo aquele que me diz: ‘Senhor! Senhor!’, entrará no Reino dos Céus, mas só aquele que põe em prática a vontade de meu Pai que está nos céus. Naquele dia, muitos vão me dizer: ‘Senhor, Senhor, não foi em teu nome que profetizamos? Não foi em teu nome que expulsamos demônios? E não foi em teu nome que fizemos muitos milagres?’ Então, eu lhes declararei: ‘Jamais vos conheci. Afastai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade’. “Portanto, quem ouve estas minhas palavras e as põe em prática é como um homem sensato, que construiu sua casa sobre a rocha. Caiu a chuva, vieram as enchentes, os ventos deram contra a casa, mas a casa não desabou, porque estava construída sobre a rocha. Por outro lado, quem ouve estas minhas palavras e não as põe em prática é como um homem sem juízo, que construiu sua casa sobre a areia. Caiu a chuva, vieram as enchentes, os ventos sopraram e deram contra a casa, e ela desabou, e grande foi a sua ruína!”. Quando ele terminou estas palavras, as multidões ficaram admiradas com seu ensinamento. De fato, ele as ensinava como quem tem autoridade, não como os escribas. COMENTÁRIO: Rev. D. Joan Pere PULIDO i Gutiérrez (El Papiol, Barcelona, Espanha). - NEM TODO AQUELE QUE ME DIZ: ‘SENHOR! SENHOR! ’, ENTRARÁ NO REINO DOS CÉUS - Hoje ficamos impressionados com a rotunda afirmação de Jesus: «Nem todo aquele que me diz: ‘Senhor! Senhor!’, entrará no Reino dos Céus, mas só aquele que põe em prática a vontade de meu Pai que está nos céus» (Mt 7,21). Pelo menos esta afirmação pede-nos responsabilidade perante a nossa condição de cristãos, ao mesmo tempo que sentimos a urgência de dar bom testemunho da fé. Edificar a casa sobre rocha é uma imagem clara, que nos convida a valorizar o nosso compromisso de fé, que não se pode limitar apenas a belas palavras, mas que se deve fundamentar na autoridade das obras, impregnadas pela caridade. Um destes dias de Junho, a Igreja recorda a vida de S. Pelágio, mártir da castidade, no umbral da sua juventude. S. Bernardo ao recordar a vida de Pelágio, diz-nos no seu tratado sobre os costumes e mistérios dos bispos: “A castidade, por muito bela que seja, não tem valor nem mérito sem a caridade. Pureza sem amor é como lâmpada sem azeite; mas diz a sabedoria: Que formosa é a sabedoria com amor! Com aquele amor de que nos fala o Apostolo: o que procede de um coração limpo, de uma consciência reta e de uma fé sincera”. A palavra clara, com a firmeza da caridade, manifesta a autoridade de Jesus que desperta o assombro dos seus concidadãos: “As multidões ficaram admiradas com o seu ensinamento. De fato, ele ensinava como quem tem autoridade, não como os escribas” (Mt 7,28-29). A nossa prece e contemplação de hoje, deve ir acompanhada por uma séria reflexão: como falo e atuo na minha vida de cristão? Como concretizo o meu testemunho? Como concretizo o mandamento do amor na minha vida pessoal, familiar, laboral, etc.? Não são as palavras nem as orações sem compromisso que contam, mas, o trabalho por viver segundo o Projeto de Deus. A nossa oração deveria expressar sempre o nosso desejo de obrar o bem e o nosso pedido de ajuda, uma vez que reconhecemos a nossa debilidade. — Senhor, que a nossa oração esteja sempre acompanhada pela força da caridade. (Rita de Cássia Arcanjo dos Santos).

STF DERRUBA LIMINAR QUE CARACTERIZAVA GREVE DOS PROFESSORES COMO ILEGAL

A greve dos professores da rede estadual de ensino, que completa 80 dias nesta sexta-feira (29) , acaba de ganhar novos contornos. O ministro do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, cassou nesta quinta-feira (28) a liminar que determinava a ilegalidade da greve. "(...) Isso posto, julgo parcialmente procedente o pedido formulado nesta reclamação, nos termos do art. 161, parágrafo único, do RISTF, apenas para cassar in totum a decisão ora impugnada, proferida, em 13/4/2012, na Ação Civil Pública 0329637-85.2012.8.05.0001, e determinar sua imediata remessa ao Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, onde deverá ser originariamente processada e julgada à luz do que contido nas Leis 7.701/1988 e 7.783/1989, tudo em conformidade com os acórdãos prolatados pelo Plenário do Supremo Tribunal Federal nos Mandados de Injunção 670/ES, 708/DF e 712/PA. Julgo prejudicado o exame do pedido de medida liminar." O determinação da ilegalidade da greve foi solicitada pelo Governo do Estado da Bahia e concedida pelo juíz da 5ª Vara da Fazenda Pública de Salvador, Ricardo D' Ávila, em 13 de abril deste ano. Com a decisão do STF, o processo retorna agora para o Tribunal de Justiça da Bahia para julgamento de mérito. Cabe ao Tribunal a decisão sobre outras questões como, por exemplo, o pagamento ou não dos dias de paralisação dos professores. O ministro Ricardo Lewandowsi, entretanto, emitiu um parecer favorável ao não pagamento com base na prerrogativa da suspensão do contrato de trabalho. (www.metro1.com.br).

LOGO TEREMOS CAMPANHA ELEITORAL NO RÁDIO E NA TV

Os partidos políticos e coligações estão fazendo os últimos ajustes no processo de escolha dos candidatos que concorrerão na eleição municipal de 7 de outubro. Passada essa fase, começa então a exposição direta dos nomes desses escolhidos ao público, o ciclo mais esperado e de maior movimentação do pleito. Enquanto a Justiça Eleitoral não libera a propaganda oficial, nas ruas, no rádio e na TV, os propensos candidatos aproveitam para organizar suas bases nas comunidades. Já tem gente apertando a mão de todo mundo, dando tapinha nas costas e se portando como se fosse o amigo mais íntimo de quem nunca o havia visto antes. Pode até não parecer, mas a fase da campanha eleitoral também é esperada com ansiedade pelos eleitores, especialmente quando se trata da exposição dos candidatos na TV. O processo mostra os trejeitos de cada um e o modo como tratam os adversários. É bom que fique claro, desde já, que as picuinhas, acusações vazias e lavagem de roupa suja podem até parecer divertido para alguns, mas a maioria não baseia sua escolha nisso. Se o objetivo é obter simpatia, o melhor é começar agora mesmo a conhecer o que agrada e o que desagrada a classe que vai definir realmente a eleição.

ACÁCIA ACABA DE SER IMPOSTA VICE DE JUÇARA

O “deputado federal” acusado de vender emendas parlamentares, Geraldo Simões, conseguiu através do governador Jaques Wagner, com que o PDT de Itabuna impusesse Acácia Pinho como candidata a vice na chapa petista, que terá Juçara Feitosa como prefeiturável. Com esta decisão o PT ganha a adesão do PDT, que carrega consigo nomes contrários á candidatura de Juçara e entre eles o mais conhecido é o advogado e jornalista Marcos Wence. NA BOCA DA LEOA – O constrangimento desta decisão cabe á própria Acácia Pinho, que até ontem declarava sua posição energética contra a imposição com que se deu a indicação interna da candidatura do PT. E agora ela é vítima desta mesma situação. Este fato faz lembrar o episódio ocorrido nas eleições passadas, quando o então candidato a prefeito, Capitão Fábio, se vendeu ao apagar das luzes, para esta mesma Juçara Feitosa, que teve conseqüência de mais catastrófica derrota já ocorrida em Itabuna.

28 de junho de 2012

ALGUNS VEREADORES NÃO ESTÃO INDO AO TRABALHO

A proximidade da campanha eleitoral parece estar esvaziando as sessões da Câmara de Itabuna. As agendas públicas e os demais compromissos de alguns vereadores estão coincidindo com o horário do trabalho deles no plenário, o que faz com que suas cadeiras permaneçam vazias e os debates percam o calor que a população espera. Ao que parece, a garantia dada pela mesa diretora da Casa, de que o processo não iria interferir na rotina do plenário, não está sendo levada a sério por alguns parlamentares. Vale ressaltar que os faltosos até enviam recados sobre os motivos da ausência, mas o momento exige um compromisso ainda maior por parte dos legisladores. Quem pretende disputar a reeleição deve estar ciente de que a partir de agora a população começa a avaliar a atuação de cada um e a freqüência no trabalho, como ocorre normalmente em se tratando de um “contrato de serviço temporário”. A falta de quórum no plenário hoje poderá repercutir negativamente amanhã, ou melhor, no dia 7 de outubro.

PROFESSORES EM GREVE PROTESTAM CONTRA PAGAMENTO DE R$ 1,5 MILHÃO POR AULÕES

O primeiro dos 384 aulões que serão promovidos pelo governo baiano para alunos do 3º ano do Ensino Médio da rede estadual, na tarde da quarta-feira (27), foi marcado pela presença de pelo menos 400 estudantes e pela manifestação de professores, em greve há 79 dias. Enquanto no auditório da Escola Parque, no bairro da Caixa D’Água, o professor Jorge Portugal comandava a aula, do lado de fora do colégio dezenas de grevistas protestavam contra o anúncio do contrato de R$ 1.591.774,80 para a realização do projeto. “Nossa manifestação é em repúdio a este contrato com valor astronômico”, queixou-se Zenaide Barbosa, que integra o comando de greve. A direção do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB) acusa o governo de usar a estratégia para tentar fragilizar o movimento. De acordo com a Secretaria Estadual de Educação (SEC), cada evento custa R$ 4.145, destinados a pagamento de pessoal e infraestrutura. Portugal, coordenador da iniciativa, preferiu não entrar em polêmica e elogiou o esquema de aulões. “Os professores estão preparando estes alunos da mesma forma que preparam os estudantes da classe média, que podem pagar pela informação”, exaltou. Informações do jornal A Tarde.

JUSTIÇA DETERMINA QUE CONTRIBUIÇÃO SINDICAL NÃO SEJA REPASSADA À APLB

O juiz da 5ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Salvador, Ricardo D’avila, autorizou o governo do estado a depositar em juízo os descontos em folha dos sindicalizados à APLB. A medida tem como objetivo garantir recursos para o pagamento da multa, determinada em R$ 50 mil por dia, estipulada na decisão que declarou ilegal a greve dos professores e determinou o retorno imediato às atividades. Em seu despacho, o juiz afirma que “ao declarar a ilegalidade da greve da rede estadual de ensino, determinou no seu comando o retorno dos professores e demais servidores da área de educação pública do Estado da Bahia às suas atividades normais, fato que não ocorreu até a presente data como é de conhecimento público, acarretando inumeráveis prejuízos à coletividade, inclusive transtornos à normalidade social da sociedade baiana que com tal atitude impede que uma parcela significativa de jovens tenha o seu direito à educação, que é garantido constitucionalmente, preservado e atendido pelo Estado da Bahia”.

A FESTA DE ANIVERSÁRIO DA BRUXA QUE QUIS ROUBAR O SORRISO DO CAPITÃO

A Bruxa organizou sua própria festa de aniversário e decidiu que essa seria a sua melhor oportunidade de conseguir o que sempre ambicionou. E se equivocou bastante, quem imaginou que seu desejo seria receber presentes em forma de bens materiais. A Bruxa não queira celular, perfumes, roupas, ou qualquer coisa assim. O que na verdade a Bruxa queria, era possuir o que já pertencia ao Capitão Sorriso. O que ela pretendia era o próprio sorriso do Capitão. Ela, de maneira velada, venerava o sorriso que só o capitão possuía. O sorriso do sucesso, da vitória e de tudo o que havia de melhor na cidade. A Bruxa não sorria. Mas queria muito sorrir, pois achava instigante o semblante de felicidade estampado no Capitão. Então a Bruxa convidou um batalhão de gente para acompanhá-la nesta empreitada e ninguém se mostrou interessado em aceitar. Até capitães, majores e coronéis correram dela. O Bispo talvez tenha sido o mais arredio, pois sabia do pecado que seria esta pretensão malfeitora da Bruxa. Todos sabiam que o sorriso era do Capitão e ninguém ousaria usurpar o que jamais deveria pertencer a Bruxa. E ela se viu só, isolada... derrotada. Poucos foram à festa. Estavam lá o capitão Melancia, o Jorginho Feitosa, o Chato Henri, a Nanda Babão, o Zé do Caixão, o Bicho Papão e a Cuca. O Capitão Sorriso foi advertido do plano maligno da Bruxa e decidiu não comparecer. E a Bruxa chorou; soube que estava só e que todos fogem dela como partidos fogem de políticos com ficha suja que vendem emendas parlamentares.

VIATURAS ENFERRUJAM EM TERRENO BALDIO

Tomadas pelo matagal, três viaturas padronizadas, pertencentes à Polícia Militar (PM) enferrujam embaixo de sol e chuva, em um terreno abandonado da Rua Canarana, Pernambués. Há quase um ano, os veículos que teriam sido deslocados das 1ª e 40ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPMs) para reforçar a Ronda Escolar do bairro, estão parados por problemas de mecânicos. Documentos e decisões burocráticas atrasam a retirada dos veículos do local, o que contribui com a sujeira do terreno. O terreno baldio, que serve de estacionamento para veículos policiais está situado há cerca de 100 metros da Ronda Escolar do bairro. Enferrujados, sem pneus e com parte elétrica expostas, os carros apresentam estado de inutilidade total. Os efeitos da ação e do tempo dificultam a identificação de qual CIPM pertencia um dos veículos. Em dois deles é possível identificar as guarnições (2.0101) e (9.4008), respectivamente, da 1ª e 40ª CIPMs. Além do estado das viaturas abandonadas, o matagal e o lixo que tomam conta do terreno, chamam atenção de quem frequenta o local. “Vejo muitos animais circulando na região, inclusive ratos”, disse um radialista, que trabalha no bairro. De acordo com o major Ricardo Santana, as viaturas foram deslocadas das companhias de origem para atuar na Ronda Escolar do bairro, em 2010, mas há 11 meses apresentaram problemas mecânicos. “Entramos com o processo de licitação para que fosse feita a manutenção dos veículos, mas a empresa perdeu. O Departamento avaliou que o custo benefício de manutenção é alto e então demos processo de baixa nas viaturas”, explicou o major, ressaltando que no próximo mês os veículos serão retirados do local. “Esse processo, realmente, é bastante demorado. Estamos esperando uma posição do Departamento de Apoio e Logística (DAL) da PM, pois existem muitos veículos, inclusive de outros órgãos do Governo, em situações semelhantes. É provável que até o final do próximo mês, elas ganhem destino final”, afirmou. Na tarde de ontem, a Tribuna entrou em contato com a assessoria de comunicação da PM para saber mais detalhes sobre o destino dos veículos, mas não obteve êxito. Uma solicitação sobre o número de viaturas em situações semelhantes na cidade também foi feito, mas o órgão pediu prazo para levantamento, descartando o envio da informação no mesmo dia. FAZEM PARTE DE LOTE DE 2004 - De acordo com características e modelo dos veículos padronizados abandonados em Pernambués, eles teriam chegado à Bahia em 2004, quando lançaram viaturas modelo Meriva. O último lote de viaturas entregue ao Estado ocorreu em abril deste ano, quando seis viaturas, entre elas, três ambulâncias, foram entregues pelo secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa e distribuídos para unidades da capital e do interior do estado. Com o objetivo de reforçar a frota este ano e otimizar o trabalho da polícia, das três picapes destinados à Polícia Civil, duas foram encaminhadas ao Departamento de Narcóticos e uma para a Delegacia Territorial de Arraial d’Ajuda, distrito do município baiano de Porto Seguro. Já as ambulâncias ficarão à disposição das unidades das polícias Civil e Militar de Salvador e Região Metropolitana para darem suporte médico aos policiais. (Daniela Pereira).

A VOLTA DO CIPÓ DE AROEIRA

As acusações contra Simões pelo TCU são de fazer inveja ao também deputado, ex-prefeito e ex-governador de São Paulo, Paulo Salin Maluf. Nos últimos meses, uma grande nuvem negra anda pairando sobre a cabeça do deputado federal e ex-prefeito de Itabuna Geraldo Simões. É como se todas as maldades que o político realizou com aliados e não-aliados estivesse sob o efeito bumerangue. As últimas vitimas das maldades de Simões, ao menos que eu tenha conhecimento, foram a professora Miralva Moitinho, atual presidente do PT itabunense e ex-diretora da Direc 7 – que sofreu fritura até ser exonerada e teve a sua gestão à frente do órgão investigada por uma sindicância, e o jornalista Ricardo Ribeiro. Profissional exemplar e de um caráter ímpar, Ricardo prestava serviços para uma empresa privada de mineração e foi sumariamente demito a pedido do “todo poderoso” deputado. Isso, porque o mesmo não gostou do que o rapaz escreveu em um site de notícias. Depois dessas maldades, Geraldo começou a viver seu inferno astral. Um “grupo” ligado ao parlamentar adquiriu a rádio Difusora, líder isolada da programação AM e que era de propriedade do ex-prefeito Fernando Gomes, até então adversário quase mortal do parlamentar, pela “bagatela” de R$ 3,5 milhões, segundo a imprensa local. Depois da troca de comando, o Ibope da emissora despencou e nem mesmo a competência do diretor de programação J. Pimentel consegue frear a queda o que era para ser uma poderosa arma de campanha e política, não vai passar de mais um bem patrimonial para o “grupo” do deputado. Sua esposa e pré-candidata a prefeita da cidade, amarga uma rejeição do tamanho do Alto da Lua, e até o momento não conseguiu atrair nenhum partido de expressão e muito menos um nome de peso para a composição de vice-prefeito. Pelo visto, vai disputar com o candidato do PCB, Pedro Heliodoro, quem vai ficar com a lanterna na mão. Como diz o ditado, “urubu quando está de azar, o de cima suja o de baixo”. O deputado teve seu nome citado em gravações de conversas entre familiares do também parlamentar João Carlos Barcelar, sobre venda de emendas parlamentares do Orçamento da União. O fato ganhou repercussão nacional e o deputado deve ser investigado pelo Conselho de Ética da Câmara Federal. Como inferno pouco é bobagem, o nobre deputado consta na Lista dos Políticos Fichas Sujas, que foi divulgada semana passada pelo Tribunal de Contas da União (TCU). As acusações contra Simões pelo TCU são de fazer inveja ao também deputado, ex-prefeito e ex-governador de São Paulo, Paulo Salin Maluf. Como cantou Vandré nos tempos da Ditadura, “madeira de dar em doido vai descer até quebrar. É a volta do cipó de aroeira no lombo de quem mandou dar”. (Cláudio Rodrigues é empresário-claudiorodrigues10@yahoo.com.br).

NADA DE BRUXA PARA INFERNIZAR NOSSA CIDADE

Nossa cidade já vive atormentada por uma situação absurda de violência crescente. Há cinco anos não se constrói uma só sala de aula por aqui. Os serviços de saúde pública são precários e se encontram em condições de quase calamidade pública. Não existe nenhum projeto de ampliação do sistema viário urbano e o rio está sendo transformado em esgoto à céu aberto. Não há registro de uma só obra do governo do Estado, ou oriunda de emenda parlamentar de deputado federal correligionário da presidente Dilma no município. Talvez por considerar que todo este drama é pouca judiação para o povo, há um político corrupto que tenta a todo custo eleger uma bruxa para chefiar o poder executivo municipal. Para tanto o referido traste usa e abusa do poder econômico, comprando lideranças comunitárias e partidos políticos. Até veiculo de comunicação foi adquirido com propósito de ludibriar a população e esconder as mazelas decorrentes dos governantes aliados dele. Entretanto, as pesquisas revelam que a população está alerta e aversa à conversa pra boi dormir dessa corja de parasitas e corruptos!

HOJE É DIA DO ORGULHO GAY E DA CONSCIÊNCIA HOMOSSEXUAL

Todos os oprimidos têm um dia de luta: 8 de março, Dia da Mulher; 19 de abril, Dia do Índio; 20 de novembro, Dia da Consciência Negra. Faz sentido existir também um Dia dos Homossexuais? Sim! Os gays também têm seu dia - 28 de Junho. Os gays, lésbicas, travestis e transexuais representam mais de 10% da população mundial. No Brasil são mais de 20 milhões de seres humanos desprezados, discriminados, violentados, assassinados. Só nos últimos 30 anos mais de 3500 homossexuais foram barbaramente executados, vítimas da homofobia - a intolerância à homossexualidade. A cada novo dia um LGBT é assassinado no Brasil! Porque tanto desprezo e violência? simplesmente porque os homossexuais são considerados marginais, doentes, pecadores, e nossa sociedade cristã legitima o terror contra os gays, lésbicas e transgêneros. As causas da homofobia já foram detectadas pelos cientistas sociais: de um lado a mentalidade machista que confere apenas ao “sexo forte” a hegemonia social, relegando para a condição de subumanos quem não é macho: as mulheres, tornadas “sexo frágil”, e o “terceiro sexo”, os gays. Do outro lado, explica-se a homofobia pela reconhecida insegurança dos machões face ao estilo de vida revolucionário dos gays, que vêm nos homossexuais perigosa ameaça a sua hegemonia, posto abdicarem do privilégio de dominar as fêmeas em função de viverem uma relação igualitária com outros machos. A moderna psicanálise ensina que todos aqueles que odeiam e querem a destruição dos homossexuais , no fundo, têm mal resolvida sua própria (homo)sexualidade, vingando-se nos homossexuais egosintônicos seus desejos homoeróticos reprimidos. POR QUE UM DIA DA CONSCIÊNCIA HOMOSSEXUAL? - Os gays lutaram duro para ter um dia no ano. Tudo começou em 28 de junho l969, em Nova York, quando os homossexuais, cansados de apanhar da polícia, que toda noite invadia seus espaços de lazer, reagiram e ganharam a batalha contra a prepotência policial. Nos anos seguintes, os LGBT do mundo inteiro adotaram 28 de junho como o “Dia do Orgulho Gay”, também chamado de DIA DA CONSCIÊNCIA HOMOSSEXUAL. Nas principais cidades do mundo os gays, lésbicas, bissexuais, travestis, transexuais e simpatizantes enchem as ruas proclamando: É legal ser homossexual! Em S.Francisco, Nova York, nas principais cidades do Canadá e da Europa, autoridades e políticos se juntam a milhões de homossexuais que saem às ruas para defender seus direitos de cidadania. No Brasil, desde 1981 o Grupo Gay da Bahia comemora esta data, e nos últimos anos, as paradas GLBT se espalharam pelo resto do país. Mais de um milhão de pessoas participam todos os anos das paradas de SP, RJ, Salvador, Fortaleza, Belém. POR QUE NÃO TER VERGONHA DE SER E DEFENDER O HOMOSSEXUAL? - Foram necessários muitos anos de resistência, luta e contestação para que chegasse um dia, na década de 60, em que os negros pudessem declarar: “Negro é bonito!”. Serão necessárias ainda quantas gerações para que todas as pessoas reconheçam que mulheres e homossexuais devem ter os mesmos direitos que os machões; que a cor escura da pele do índio ou do negro não implica em inferioridade? Não existe raça superior, não existe sexo superior, não existe sexualidade/gênero superior. Sexo é prazer, comunicação, vida. A livre orientação sexual é um direito inalienável de todo ser humano, seja homossexual, bissexual ou heterossexual. Ser homossexual não é doença: desde l985 o Conselho Federal de Medicina, desde 1993 a Organização Mundial da Saúde e desde 1999, o Conselho Federal de Psicologia excluíram a homossexualidade da classificação de doenças. Ser homossexual não é crime e teólogos modernos defendem que o amor entre pessoas do mesmo sexo não é pecado. A discriminação sim é proibida pela Constituição. O QUE QUEREM OS LGBT? - O povo GLBT quer simplesmente ser tratado como ser humano, com os mesmos direitos e deveres dos demais cidadãos. Queremos cidadania plena! Os gays não desejam mudar a orientação sexual de ninguém mas também não aceitam que queiram “curá-los” ou “convertê-los” - do mesmo modo como os negros e índios lutam para que sejam respeitados na sua especificidade pluri-cultural. Neste Dia Mundial do Orgulho Gay e Consciência Homossexual, em todo o Brasil, nas Câmaras de Vereadores, Assembléias Legislativas e em Brasília, estão sendo lidos discursos como este, rompendo a conspiração do silêncio e do ostracismo que até hoje paira contra mais de 10% de cidadãos e cidadãs homossexuais, cujo único "pecado" é amarem seus semelhantes. Que chegue logo o dia em que não mais seja necessário que os negros, índios, homossexuais e mulheres tenham apenas um dia especial no ano para denunciar o preconceito e discriminação de que são vítimas. Que nos unamos contra o preconceito e a ignorância para que seja logo realidade o que nossa Constituição Cidadã prognosticou em seu Artigo 3o, parágrafos I e IV: “Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil construir uma sociedade livre, justa e solidária, promovendo o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação. “Equiparação da homofobia ao crime de racismo e casamento igualitário já! Direitos iguais, nem menos, nem mais! (Luiz Mott - Secretario de Direitos Humanos do Grupo Gay da Bahia e Professor Titular do Departamento de Antropologia da UFBa).

SORTEIO DA COPA DO MUNDO DE 2014 SERÁ NA BAHIA

O sorteio que definirá os grupos da Copa do Mundo de 2014 será na Bahia. O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, afirmou nesta quinta-feira que o local do evento ainda não está completamente definido e será realizado em algum lugar do estado. O sorteio será em dezembro de 2013. “O sorteio para Copa das Confederações será em São Paulo e o sorteio da Copa será na Bahia”, disse Valcke, em entrevista coletiva concedida nesta tarde em Brasília. A entrevista coletiva marcou o encerramento da viagem de Jérôme Valcke ao Brasil. Desde terça-feira, o representante da Fifa passou por Recife, Natal e Brasília. Durante toda a viagem, Valcke esteve acompanhado de Bebeto, Ronaldo e do secretário-executivo do Ministério do Esporte, Luís Fernandes. Todos são membros do Comitê Organizador Local da Copa do Mundo de 2014 (COL). O artista plástico Romero Britto também fez parte da comitiva. Além das inspeções, Valcke participou de uma reunião com membros do COL em Brasília. O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, esteve presente neste encontro. (Vinicius Konchinski).

HUMORISTA MUÇÃO É PRESO ACUSADO POR DIVULGAR PORNOGRAFIA INFANTIL

Na manhã desta quinta-feira (28), o humorista e radialista Mução, Rodrigo Vieira Emerenciano, foi preso em Fortaleza (CE), acusado de divulgação de pornografia infantil na internet. A prisão foi desencadeada pela Operação Dirty-Net, da Polícia Federal, que é de caráter nacional, informou o portal "NE10". A Polícia Federal apreendeu tablets, HDs e notebooks do humorista para dar continuidade nas investigações. A prisão temporária de Mução é de cinco dias, podendo ser prorrogada. Segundo a PF, no entanto, devido às provas já obtidas em e-mails e no cruzamento de informações durante as investigações, iniciadas em dezembro, pode mudar para preventiva. Algumas horas após a divulgação da prisão do radialista, a notícia se tornou o quarto assunto mais comentado no Twitter. A produção do programa "A Hora do Mução" negou que Mução esteja preso e que o programa será transmitido normalmente de Fortaleza, a partir das 17h. ("NE10").

27 de junho de 2012

A MAIOR COLIGAÇÃO QUE ITABUNA JÁ VIU

Itabuna está caminhando para conhecer uma das maiores coligações partidárias em torno de uma candidatura. Será assim a futura chapa encabeçada pelo prefeito Capitão Azevedo, formada por um conjunto significativo de partidos, incluindo legendas aliadas do governo federal, como é o caso do PMDB de Michel Temer, vice-presidente da República. No total, a adesão poderá chegar a 12 partidos, assegurando o maior tempo no horário gratuito eleitoral, algo em torno de 10 minutos. O prefeito conta com a intenção de votos expressiva, segundo pesquisas recentes, cujos dados não podem ser divulgados em função da ausência de registro. Ou seja, não só é favorito como tem tudo para cravar seu nome na história de uma cidade que jamais reelegeu um prefeito.Tudo isso pode ser explicado pelas obras de infraestrutura em bairros populares, num ritmo visto anteriormente apenas na gestão do ex-prefeito Ubaldo Dantas. O prefeito do povo, como ficou conhecido, pauta sua administração em diminuir as desigualdades sociais. Segundo o próprio, a lacuna deixada pelos seus antecessores só fez distanciar o povo carente de serviços básicos como saúde, infraestrutura, moradia de qualidade e pavimentação nas ruas. O centro da cidade não ficou órfão, dentro desse modelo de gestão adotado pelo Capitão Azevedo. Intervenções como a da Avenida Cinquentenário demonstram isso, sem falar que uma das maiores obras da história da cidade está para ser entregue à população: a reurbanização da Avenida Amélia Amado. Na tentativa de desdenhar do êxito da gestão, os opositores insistem no mesmo discurso, de que todo esse volume de obras é proveniente de recursos federais. Entretanto, não levam em consideração que, para obter recursos na esfera federal, o gestor precisa montar uma equipe de projetistas do melhor nível.Recentemente, por meio do Ministério das Cidades, foi assinado um convênio na ordem de R$ 36 milhões, recursos que serão aplicados em mais de dez bairros considerados de baixa renda e que naturalmente careciam de urbanização, como é o caso do Jorge Amado, Manoel Leão, Rua de Palha, Bananeira, Sinval Palmeira, Campo Formoso, Nova Itabuna, Lomanto Jr. e Santa Catarina, que se juntam a outros bairros que já tiveram suas obras iniciadas, a exemplo do São Roque, Nova Califórnia, Daniel Gomes, Maria Pinheiro, além de uma nova ponte ligando o bairro de Fátima ao loteamento Rufo Cunha, somente para citar algumas intervenções. Outro montante de projetos aguarda aprovação nos ministérios, entre eles, as obras de construção dos canais do São Caetano e do Santo Antônio, demonstrando também que o discurso do “amigo do rei” ou do “votem em mim, pois sou amigo (a) da presidente e do governador” é coisa do passado. O que predomina hoje é competência, projetos confiáveis e, acima de tudo, trabalho. (Juarez Nunes - www.cenabahiana.com.br).

REJEIÇÃO: UM DOS SINAIS DE DESGASTE DO PT EM ITABUNA

Em pesquisas de consumo interno, chamam atenção os altos índices de rejeição apresentados pela pré-candidata à prefeita Juçara Feitosa (PT), coisa que a maioria dos analistas atribui tanto à figura da petista como à ausência do governo do estado em Itabuna, a percalços como as greves da polícia e dos professores, além do desgaste do deputado federal Geraldo Simões, marido da postulante. A rejeição ao PT também se reflete na dificuldade em formar alianças e até em definir a chapa majoritária, que até o momento não tem um vice escalado. Velhos aliados, como o PCdoB, têm fechado com o PT em outros municípios, como em Jussari, mas as barbeiragens políticas de Simões inviabilizaram o diálogo em Itabuna e o PCdoB acabou na frente que será encabeçada por Vane do Renascer (PRB). Um fato curioso ocorreu nesta sexta-feira (22), quando o presidente estadual do PSDC, Antônio Albino, foi para Ilhéus fechar apoio à petista Carmelita Ângela, pré-candidata ao governo local. Ontem (21), Albino estava no palanque do Capitão Azevedo (DEM), em Itabuna, abençoando a presença do PSDC no palanque do prefeito. Aliás, ao lado de Azevedo estarão diversos partidos que marcham com o PT em outros municípios. Mas não em Itabuna, onde uma sucessão de equívocos políticos levou a legenda ao isolamento. (www.cenabahiana.com.br).

AOS 50 ANOS, LUIZA BRUNET É CONVIDADA PARA POSAR NUA

A modelo Luiza Burnet, que completou 50 anos em 2012, foi convidada para ser capa da revista Sexy do próximo mês. De acordo com a coluna do jornalista Ancelmo Gois, do jornal O Globo, desta quarta-feira (27), a proposta ultrapassa meio milhão de reais. Ainda de acordo com a publicação, apesar de a proposta ser tentadora, Luiza não estaria interessada em posar novamente para uma publicação masculina. Um dos principais símbolos sexuais do Brasil dos anos 80, Luiza iniciou na carreira como modelo das calças "Dijon". Logo depois, posou nua para as revistas “Ele e Ela” e “Playboy”. Hoje, continua atuando como modelo.

''POLÍTICA SÓ EM 2014'' RESSALTOU SERPA

O tenente-coronel Valci Serpa descartou a possibilidade de ingressar na política neste ano e ser o candidato a vice-prefeito na chapa da petista Juçara Feitosa. “Vou pensar em política só em 2014″.
O SENHOR VAI ACEITAR A VICE?
VALCI SERPA - Assumi o batalhão há pouco, tá doido? (risos). Não fui convidado por ninguém. Nem que me convidassem, eu aceitaria, pois estou começando o trabalho [em Jequié] hoje. Ficaria estranho e seria deselegante com o meu comando [sair agora].
O SENHOR DESCARTA ENTRAR NA POLÍTICA AGORA?
Vou pensar em política só em 2014. Não partiria [para disputa] agora, sem ter formado meu grupo político. Até 2014, estou fora. Mas não recebi convite para ser vice de Juçara ou Geraldo Simões. Isso é só especulação.
E como o senhor está encarando o desafio de comandar a polícia militar em Jequié? É uma missão boa, desafio novo. Estou pronto para fazer trabalho de polícia comunitária, cidadã. Havia expectativa do senhor assumir o comando em Itabuna… Itabuna, por agora, não. No próximo ano, 2014, talvez.
(Denilton Santos - www.blogdodenilton.com).

GREVE DOS PROFESSORES COMPLETA 77 DIAS SEM NEGOCIAÇÃO

Após assembléia, os professores da rede pública estadual da Bahia decidiram na manhã desta terça-feira (26) manter a greve que já dura 77 dias. Os professores pedem o cumprimento do acordo assinado entre a categoria e governo, que prevê reajuste de 22,22%, estabelecido pelo Ministério da Educação como piso nacional do magistério. Os docentes alegam que o governo quebrou o acordo assinado em novembro de 2011, que garantia os valores do piso nacional. A categoria, que reclama da falta de diálogo com o governo, não concorda com a proposta menor do que a acordada e ainda que não inclui os aposentados e licenciados. Em pronunciamento na Assembleia Legislativa o deputado estadual Carlos Geilson (PTN) voltou a cobrar ao governador Jaques Wagner (PT) uma solução para a greve. “Eu estou falando como cidadão e como professor, que estudou a vida toda em escola pública, e me encontro preocupado - como milhares de baianos - com os rumos da educação em nosso estado”, afirmou Geilson. Para o parlamentar, a resolução desse impasse depende principalmente da postura do governador. “É preciso que Vossa Excelência saia do pedestal. Não é jogando a opinião pública contra os professores, não é usando a força, a prepotência e a arrogância que se vai por fim a greve. O que os professores estão esperando é o diálogo com o articulador que tanto se falava na Bahia de outrora”, ressaltou. O deputado ainda criticou o governo, que alega não ter dinheiro para conceder o piso nacional aos professores, mas contrata por meio da Secretaria Estadual de Educação (SEC), a empresa Abaís Conteúdos Educativos e Produção Cultural Ltda, dirigida pelo professor Jorge Portugal, com dispensa de licitação. A prestação de serviços educacionais Pré-Enem por um período de 180 dias custará R$ 1.591.774,80.

PARCERIA ENTRE A FTC E AAPEI AMPLIA ASSISTÊNCIA AOS IDOSOS

O respeito e a valorização do idoso, por meio da promoção de melhor qualidade de vida e mais dignidade para pessoas da 3ª idade, têm sido um dos focos das atividades de extensão e
responsabilidade social da Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) de Itabuna, principalmente com a FTerCeira Idade – Faculdade Aberta da 3ª Idade. A partir de agora, com a parceria que está sendo estabelecida entre a Instituição de Ensino Superior e a Associação dos Aposentados, Pensionistas e Idosos de Itabuna (AAPEI), essas atividades alcançarão um número maior de pessoas da 3ª idade, beneficiando uma parcela significativa de cidadãos e cidadãs itabunenses dessa faixa etária. O assunto foi discutido na última quinta-feira, 21, durante audiência entre o diretor da FTC Itabuna, professor Cristiano Lôbo; a presidente da AAPEI, Nilza Coutinho; a diretora de movimentos sociais da Associação, Samiramis Aderno; e o presidente do Sindicato dos Aposentados e Pensionistas do Estado da Bahia (Sindapeb), Ornan Lapa Serapião dos Santos. Após ouvir atentamente os objetivos e a metodologia das atividades propostas pela AAPEI, Cristiano Lôbo destacou que eles se coadunam com o projeto da FTerCeira Idade, inclusive, quando visam à melhoria da saúde, bem-estar e auto-estima das pessoas por meio de ações socioeducativas de saúde, cultura e lazer.

ESCRITOR GRAPIÚNA LANÇA BIOGRAFIA DE RENOMADO POLÍTICO POTIGUAR

Após ser nomeado recentemente assessor de comunicação da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (Diário Oficial, Ato nº 116, de 2012, Processo nº 581/2012-PL) e publicar “Pequenas Histórias do Delírio Peculiar Humano”, o escritor itabunense Antonio Nahud Júnior lança dia 15 de julho, no Boulevard (Natal, RN), em um jantar para quinhentos convidados, a biografia “Agnelo Alves – 8 Décadas”, que celebra os 80 anos de um dos mais importantes políticos do Rio Grande do Norte, Agnelo Alves. Ex-senador, ex-prefeito de Natal e atualmente deputado estadual, Agnelo tem uma história rica povoada por nomes célebres da política e do jornalismo brasileiro. Dividido em 8 capítulos e recheado com dezenas de fotografias que mapeiam a intensa trajetória do biografado, o livro tem introdução do ex-presidente da República José Sarney, do jornalista Cassiano Arruda Câmara e do escritor Diógenes da Cunha Lima. “Li mais de uma dezena de livros, entrevistei um número expressivo de pessoas e mergulhei no arquivo pessoal do deputado, descobrindo uma personalidade dinâmica e fundamental para a compreensão da história política e jornalística do Rio Grande do Norte”, conta Nahud. Em mais de duzentas páginas, a biografia fala do nascimento de Agnelo Alves no sertão, de sua passagem pela grande imprensa carioca nos anos 50, da cumplicidade política com Juscelino Kubitschek e Tancredo Neves, da cassação política nos “Anos de Chumbos” e dos bastidores de campanhas políticas das quais fez parte, com destaque para a emblemática eleição de seu irmão Aluízio Alves para governador do Rio Grande do Norte, em 1960. “Gosto de biografias, é um prazer lê-las e escrevê-las. E Agnelo Alves é um dos mais significativos nomes da política nordestina. Sua vivência merecia ser contada em livro”, opina o autor. Baiano radicado em Natal, este é o décimo livro de Nahud, que se prepara para lançar “Pequenas Histórias do Delírio Peculiar Humano” nas bienais de São Paulo e do Ceará e na Feira do Livro de Belo Horizonte.

JUSTIÇA DETERMINA FILMES COM LEGENDA PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA AUDITIVA

A Justiça Federal em São Paulo determinou que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) exija, nos filmes que financiar, a inclusão de legendas ocultas (closed captions). A decisão da juíza substituta da 23ª Vara Cível, Fernanda Soraia Pacheco Costa, diz que em 60 dias os editais do banco deverão passar a exigir as legendas de apoio para deficientes auditivos. A decisão atende a um pedido de tutela antecipada do Ministério Público Federal para garantia do cumprimento do dever constitucional de inclusão das pessoas com deficiência auditiva, oferecendo acesso à cultura. A juíza entendeu, no entanto, que a inclusão de legendas abertas seria prejudicial às produções cinematográficas brasileiras, porque impossibilitaria que os filmes fossem assistidos sem legendas. Por isso, a magistrada preferiu seguir a sugestão da Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (Feneis), que apontou as closed captions como uma medida eficaz. A magistrada Fernanda Costa destacou ainda que já existe uma lei que determina que as salas de cinema possuam meios eletrônicos para permitir o acesso às pessoas com esse tipo de deficiência. A juíza pondera, entretanto, que não há produção de filmes legendados para atender à legislação. (Ângela Góes).

A ACATE ESTÁ RECEBENDO DOAÇÕES DE LIVROS

A ACATE, Associação Cultural Amigos do Teatro, está recebendo doações de livros, usados ou novos, para a Biblioteca Firmino Rocha, que será inaugurada no dia 28 de julho, dia da cidade, no Galpão Cultural Casa de Jorge Amado em Ferradas. Romances de autores nacionais, e regionais, além de livros didáticos serão muito bem vindos. O Presidente da associação, Ari Rodrigues, disponibiliza seu telefone pessoal para maiores informações, e reforça a importância do incentivo a cultura em nossa cidade, tão esquecida ao longo dos anos. Você pode doar pelo telefone (73) 8873-5478, ou pelo email do Blog do Ricky – Sem Mais Delongas, que apóia a iniciativa: redacao@blogdoricky.com.br. Ligue ou envie email, que a ACATE irá recolher os livros com maior satisfação.

EPITÁCIO É VICE PREFEITORÁVEL DE JACKSON REZENDE

O ex vereador Epitácio do Entroncamento, foi escolhido na tarde de ontem, para ser o vice prefeito na chapa do prefeito Jackson Rezende, para as eleições na cidade de Itapé. O grupo de Jackson Rezende convidou Epitácio, por ele ser um homem honesto, íntegro, foi vereador várias vezes e cumpriu com os mandatos e acima de tudo, uma pessoa carismática e que tem seriedade e responsabilidade. O prefeito Jackson Rezende ,disse que Epitácio é uma pessoa séria e honesta e tem o perfil do seu governo. "Queremos dar continuidade a essa transformação na cidade de Itapé. Vamos continuar construindo Itapé e para isso nada melhor do que um homem íntegro e que tem passado limpo", declarou o prefeito.

26 de junho de 2012

PETISTAS ANUNCIAM SANDRA NEILMA COMO VICE-PREFEITA DE JUÇARA

Depois de uma extensa relação de nomes anunciados como prováveis candidatos a vice-prefeito na chapa petista, que tem Juçara Feitosa como prefeiturável, a boataria atual aponta a esposa do ex-prefeito Fernando Gomes, Sandra Neilma como a vice de
Juçara. A ex-primeira dama é filiada ao PT do B, que integrava a coligação de reeleição do Capitão Azevedo, mas que recentemente foi cooptado pelo PT. Caso seja confirmado este boato, ficará caracterizado o agrupamento entre Geraldo Simões e Fernando Gomes, num desfecho inimaginável até pouco tempo atrás, quando ambos eram inimigos pessoas e ferrenhos adversários políticos. Já estão apoiando a candidata Juçara, os fernandistas Raimundo do Caixão, Fábio Lima, Fernanda Galvão, Maria Resadeira, Jorge Calixto Madalena e Charles Henri. A indicação de Sandra Neilma somente reforça uma união que jamais seria cogitada há alguns meses atrás.

ITABUNA É MARAVILHOSAMENTE SANTA E PROFANA

Itabuna cresce como um polvo estendendo seus tentáculos para todos os lados. A cidade sofre a agonia de sua gente pobre pedindo que algum deus mude sua história; a cidade sem esgoto junta os dejetos do homem. Em determinado momento a cidade é apenas a nossa ilusão, os nossos sonhos multifacetados e essa maldita solidão. A cidade não nos pertence, ela é dos loucos, das prostitutas, dos traficantes e dos meoteiros. É como se a cidade começasse em nós e terminasse nos outros. E, por uma ilusão nativista, repetimos todos os dias que a cidade é nossa. Mas quando a dor vem, nós não sabemos mais se queremos mudar de cidade ou queremos mudar a cidade de lugar para não viver nela. Dizem alguns, inventaram, que Itabuna vai completar 102 anos no próximo dia 28 de julho; dizem outros que aqui circulavam trens, que não existiam grades nas portas e janelas das casas e que ninguém por aqui saia para nunca mais voltar; dizem até que antigamente aqui existiam poetas e que eles falavam de flores, de amor, do rio cachoeira e que jamais se imaginaria que o rio viraria esgoto a céu aberto. Dizem que a cidade era tão pequena que cabia nos bolsos de cada coronel da era abundantemente rica do cacau. Eles só não dizem que a cidade se afogou num rio de tristezas e que aqui também os homens aprenderam a matar; eles só não dizem que a violência em Itabuna é maior do que em qualquer lugar da Bahia e que nessa cidade todo sofrimento vira alegria e toda alegria vira dor. Não nos interessa o dinheiro dos políticos e, menos ainda, o poder do governador. Só nos interessa o direito de sermos itabunenses e nunca mais sair daqui. Paris, Londres, Nova Iorque são as metrópoles do mundo, mas ninguém sabe amar como a gente sabe amar aqui. Não fomos descobertos por ninguém porque em Itabuna as rosas cheiram mais, em Itabuna existe um poeta em cada beco, um pobre em cada mansão, um rico em cada casebre e um sol para cada solitário. Mais que isso: uma imensa vontade de só existir aqui... em Itabuna.

HÁ SIM QUEM DEFENDA OS POBRES EM SUAS DEMANDAS JUDICIAIS

Como recorrer à proteção jurídica garantida constitucionalmente sem dinheiro? Como constituir advogado numa cidade em que a maioria absoluta da população vive em condições de pobreza e
miséria e todos os trâmites judiciais têm custos consignados que dificilmente podem ser alcançados por essas pessoas? A resposta está na intervenção do defensor público, que é o advogado dos pobres, do excluído social. Mas há entraves. Com poucos defensores públicos em Itabuna, responsáveis por resolução de conflitos de toda ordem, o maior problema passa a ser a excessiva carga de trabalho. A situação, aliás, não é uma particularidade de Itabuna. Em todo o Brasil, há uma disparidade que se encaminha para o absurdo, posto que em todos os níveis, as defensorias funcionam à beira da extrema unção. A proteção jurídica das populações sem acesso à Justiça deve, de fato, ser eleita prioridade governamental. São questões de saúde, da proteção aos idosos, de crianças e adolescentes, de consumidores enganados e muito mais que exigem a movimentação da Defensoria Pública. Da pessoa que passou em primeiro lugar em um concurso e nunca foi chamada, ao homem que se sente agredido por uma reforma feita na casa do vizinho são tantas as questões que batem à porta de uma defensoria que não restam dúvidas de que o maior problema de todas elas, quase sempre sem autonomia financeira, é a falta de material humano. Embora seja a Defensoria Pública uma instituição recente no Brasil, ela é essencial para a Justiça, para que se faça Justiça no Brasil. Basta dizer que sem ela, a maioria das pessoas não terá sequer como reivindicar seus direitos. E as condições estruturais de nossas defensorias constituem um verdadeiro atentado à democracia. Ao garantir assistência judicial gratuita aos cidadãos de baixa renda, a Defensoria Pública deve ser encarada, sempre, como a única saída, inclusive daqueles que sequer conhecem seus direitos. “Todos são iguais perante a lei”. A frase é de uma oportunidade imponente, chega a ser quase divina. Mas quem são os todos que são iguais perante a lei? Só aqueles que podem arcar com as custas judiciais, só aqueles que podem pagar advogados, só aqueles que podem investir em recursos protelatórios, alguns dos quais já deveriam ter sido extirpados do arcabouço jurídico. A atuação da defensoria pública, mesmo quando trata de questões extrajudiciais como as que implicam em conciliações, consultorias e esclarecimentos são caras à cidadania. É como se as defensorias garantissem ao cidadão o direito de lutar por seus direitos, o que não será possível sem franco acesso à Justiça. Ultimamente, as defensorias têm atuado também nas unidades prisionais, zelando pela aplicação da Lei de Execuções Penais e, assim, contribuindo para minimizar os efeitos da superlotação carcerária, responsável por motins e rebeliões que envergonham o Brasil. É preciso dar mais atenção à função jurisdicional das defensorias públicas.