31 de maio de 2014

IMPLICAÇÃO DE GERALDO SIMÕES COM A JUSTIÇA

Ex-prefeito de Itabuna, o deputado Geraldo Simões, é réu em duas ações penais (471 e 593) no STF e investigado em sete inquéritos (2707, 2719, 2759, 2831, 3012, 3165 e 3174) por crimes de responsabilidade, contra as finanças públicas e sonegação de contribuição previdenciária. Na Ação Penal 471, por exemplo, é acusado de ter distribuído cestas básicas com finalidade eleitoreira. No Inquérito 2707, é alvo de investigação sobre desvios de recursos e contratação de servidores sem concurso.

ITABUA TERÁ NOVAS 22 EMPRESAS, QUE GERARÃO CERCA DE TRÊS MIL EMPREGOS

O prefeito de Itabuna, Claudevane Leite, assinou na sexta-feira, 30, durante solenidade no gabinete, um termo de compromisso de doação 138.336,48m2 de terrenos para a instalação de 22 empresas de ramos diversos, como logística, importação e exportação, mas a maioria indústrias. A iniciativa faz parte do Programa Municipal de Desenvolvimento Industrial. As áreas cedidas pela Prefeitura estão localizadas em duas regiões, uma às margens da BR-415, nas proximidades da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), e a outra no acesso à Roça do Povo, na região de Ferradas. As 22 empresas que se instalarão em Itabuna já a partir do próximo semestre devem gerar 1.300 empregos diretos e 1.650 indiretos e envolve investimentos de mais de R$ 40 milhões. Com a formalização da doação das áreas os empresários terão prazo de seis meses para iniciar a construção das instalações industriais, que devem estar concluídas em até dois anos sob pena de reversão do termo de doação. Durante a solenidade, o prefeito destacou a importância dos investimentos e disse que a administração municipal não está medindo esforços para atrair novos empreendimentos. “Vocês estão dando uma enorme contribuição para o desenvolvimento econômico e social de Itabuna. E são responsáveis pela geração de renda e empregos. Por isso, hoje é um dos dias mais importantes da nossa administração”, afirmou o prefeito. Dentre os novos empreendimentos estão: Cervejaria Artezanal, Bahia Brita Business Brasil Mineração, Importação e Exportação Ltda., LE Comércio de Polpas de Frutas Ltda.,  Resol Assessoria e Comércio de Resíduos Sólidos Ltda., Avatim Cheiros da Terra – Distribuição e Royalties Ltda. e  Talplast Indústria e Comércio de Plástico do Sul da Bahia Ltda. Também faz parte das novas empresas a Arco Logística S/A, cuja assinatura de doação de área se deu em abril passado.

IMBASSAHY E AÉCIO FALAM SOBRE REFORMA POLÍTICA NA CNBB

O líder do PSDB na Câmara, Antonio Imbassahy, esteve na quinta-feira, 29, ao lado do senador e pré-candidato a presidente da República pelo partido, Aécio Neves, em visita ao presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Raymundo Damasceno, em Aparecida (SP). No encontro, eles trocaram ideias sobre temas importantes debatidos na última reunião da CNBB, como a urgência de uma reforma política, conceitos de filantropia e valores da família, entre outros. Eles também falaram sobre a orientação do Papa Francisco para que a sociedade se engaje mais na vida pública. “Sabemos a CNBB tem uma grande preocupação com a agenda política e que o seu sentimento com relação à reforma política se aproxima muito do que entendemos como necessário para o Brasil”, explicou Imbassahy. O líder classificou o encontro como produtivo. “Temos conversado com todos, e recebido com humildade a colaboração de quem quiser contribuir com um programa alternativo e sério para o país, como estamos elaborando”, completou. Após o encontro, Aécio e Imbassahy estiveram no Santuário Nacional de Aparecida, onde fica a imagem de Nossa Senhora, Padroeira do Brasil.

MANIFESTANTES CONTRA A COPA SE JUNTAM A PROTESTO DE PROFESSORES NO RIO

Centenas de manifestantes protestaram ontem (30), contra a realização da Copa do Mundo, que começa no dia 12 de junho, e fizeram uma passeata pelas ruas centrais do Rio. Eles seguiram em direção à prefeitura, onde se encontraram com professores estaduais e municipais, em greve desde o último dia 12. Um grande efetivo de policiais foi mobilizado para acompanhar os manifestantes, que bloquearam por cerca de meia hora parte das pistas da Avenida Presidente Vargas, uma das principais do Rio, que liga o centro à zona norte da cidade. Por volta de 19h, os professores fizeram o encerramento de seu ato, agradecendo a presença dos demais manifestantes. A professora Vera Nepomuceno, da diretoria do Sindicato dos Profissionais da Educação do Rio de Janeiro (Sepe-RJ), disse que o objetivo do protesto era marcar a luta da categoria por melhores condições profissionais. Segundo ela, nem a recente decisão do Tribunal de Justiça, de multar em R$ 300 mil por dia o sindicato, caso a greve continue, fará os professores retrocederem. “Nós não temos medo de multa nem de corte de ponto, porque a nossa luta é justa”, disse. A categoria reivindica 20% de reajuste de salário, um terço do horário para planejamento de aulas, equiparação salarial entre professores que têm a mesma formação, transformação das merendeiras em cozinheiras e carga horária de 30 horas semanais para os funcionários. Após o encerramento do ato dos professores, os demais manifestantes, que protestavam contra a Copa, voltaram a pé pela Avenida Presidente Vargas até a estação de trem Central do Brasil, sempre escoltados por um grande número de policiais. Apesar de algumas provocações verbais dirigidas aos PMs, não houve violência. Alguns jovens que estavam mascarados foram revistados e obrigados pelos policiais a mostrar o rosto e apresentar documento de identidade. Ao chegar à Central do Brasil a manifestação se dispersou.

JUSTIÇA SOLTA MARCOS PRISCO COM SEVERAS RESTRIÇÕES

A Justiça Federal na Bahia mandou soltar o vereador Marco Prisco, que liderou o movimento grevista da Polícia Militar na Bahia. Ele está preso na Penitenciária da Papuda, no Distrito Federal. Na decisão, a Justiça impôs medidas cautelares, entre elas o afastamento de Prisco da presidência da Associação de Policiais e Bombeiros e seus Familiares do Estado da Bahia (Aspra). De acordo com a decisão, Prisco não poderá frequentar quarteis militares e manter contato com diretores de associações de militares. O juiz também proibiu o vereador de sair de Salvador sem avisar a Justiça e determinou que ele seja monitorado eletronicamente. Marco Prisco foi preso em Salvador, no dia 18 de abril, mas foi transferido a Papuda porque a ordem judicial determinava que ele deveria ficar recolhido em instituição prisional federal. Ele liderou movimento grevista dos policiais militares da Bahia, encerrado no dia 17 de abril. A prisão do vereador, no entanto, foi motivada por outra greve, também liderada por ele, em 2012. No ano passado, o Ministério Público Federal na Bahia denunciou Prisco e mais seis pessoas por crimes contra a segurança nacional durante essa paralisação. Marco Prisco chegou a pedir habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF), mas a defesa desistiu do pedido para libertá-lo. No dia 3 deste mês, o vereador sofreu um infarto no presídio e ficou internado em um hospital público de Brasília. Marco Prisco chegou a pedir habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF), mas a defesa desistiu do pedido para libertá-lo. No dia 3 deste mês, o vereador sofreu um infarto no presídio e ficou internado em um hospital público de Brasília. Por causa desse problema de saúde, os advogados do vereador pediram ao Supremo que ele passasse a cumprir prisão domiciliar. Após o pedido, uma junta médica formada por dois profissionais do setor de saúde do STF fez um relatório e concluiu que Prisco "não apresenta, no momento, evidência de cardiopatia que exija tratamento hospitalar ou domiciliar". Com base na conclusão, no dia 16 de junho, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, havia pedido que o vereador fosse transferido para o presídio federal em Porto Velho, Rondônia.

COMO AJUDAR UM AMIGO RELIGIOSO QUE NÃO CONSEGUE SE ASSUMIR GAY?

Sou gay assumido, minha família me aceita e me respeita. Tenho um amigo que não vive a mesma situação, infelizmente. Ele é homossexual, já se relacionou com homens, mas não consegue se aceitar. Tanto ele quanto a família são muito religiosos, acho que isso interfere na maneira dele lidar com a própria sexualidade. Tenho vontade de ajudá-lo. Como posso fazer isso? Caro leitor, qualquer atitude insistente da sua parte pode ser entendida e sentida como uma grande pressão ou agressão. Às vezes, nossa boa intenção em ajudar prejudica uma grande amizade, enterrando de vez a mínima possibilidade de estar ao lado desse amigo para poder apoiá-lo no momento oportuno. No seu caso, acredito que é melhor deixá-lo à vontade. Torcer para que num futuro muito próximo ele se liberte dos grilhões que o aprisionam. No entanto, se existe entre vocês intimidade e cumplicidade, você pode ajudá-lo nesse processo de aceitação, mesmo que seja de uma maneira sutil. Aos poucos, promova saídas e atividades de lazer com a presença de outros amigos gays. Isso facilita a identificação e a troca de ideias. Conversas gerais sobre o tema também auxiliam na reflexão. Uma publicação sobre diversidade sexual ou homossexualidade pode ser um presente útil, fornecendo temas para esses bate-papos. Indico para você um livro legal neste sentido. A obra “O Armário – Vida e Pensamento do Desejo Proibido” (Editora Independente), de autoria de Fabrício Viana. É preciso entender que a sociedade ainda trava uma luta com seu próprio preconceito em relação à homossexualidade. Para um número grande de pessoas, ela é entendida, equivocadamente, como uma patologia ou uma anormalidade, apesar de a Associação Americana de Psiquiatria ter tirado esta orientação homossexual do quadro das doenças mentais, em 1973. A Organização Mundial de Saúde fez o mesmo em 1993. O preconceito em nossa sociedade tem raízes profundas, pois ao longo do tempo foram construídas ideias e crenças sobre nossa sexualidade, sem fundamentos, e com a intenção de controle e dominação. A família, a religião, o trabalho e os amigos podem facilitar ou dificultar a saída do armário. Aliás, está é uma maneira precisa que descrever o ato de assumir publicamente uma orientação sexual. Mas a saída do armário fica muito difícil se a pessoa ainda não aceitou plenamente a própria orientação homossexual, entendendo que é normal desejar e se relacionar afetivo e sexualmente com outra pessoa do mesmo sexo. Todo esse processo é delicado e, na maioria das vezes, longo. É único, pois implica vários aspectos da história de vida de uma pessoa. O medo, a culpa e a vergonha estão sempre presentes, principalmente quando o desejo aparece. É preciso tempo para ressignificar aquilo que a impede de assumir de fato a sua homossexualidade. É a partir daí que o seu amigo ou qualquer pessoa na mesma situação que a dele vai construir seus relacionamentos, uma vida emocional e sexual saudável. Por Fátima Protti.

LEUR LOMANTO JR. DIZ QUE RESPOSTA A COAÇÃO DO GOVERNO VIRÁ DAS URNAS

O deputado estadual Leur Lomanto Jr. (PMDB), condenou a interferência ameaçadora do governo, na última votação, ocorrida na Assembleia Legislativa da Bahia, para a escolha do novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Deputados do governo teriam sido obrigados a fotografarem o voto secreto, como forma de comprovar o voto no candidato, deputado federal Zezéu Ribeiro (PT), que concorria ao cargo com o deputado estadual, Carlos Gaban (DEM). Segundo Leur, tal fato mostrou o desespero do governo que na primeira votação viu o seu indicado ser derrotado por Gaban por 28 a 27. Uma nova eleição precisou ser realizada, já que seriam necessários regimentalmente 32 votos. “Ficamos perplexos com o absurdo praticado pelo governo de coagir os deputados da bancada governista a fotografarem o voto que é secreto. O que ocorreu foi uma clara violação ao sigilo, um atentado a nossa democracia, que dá liberdade para que as pessoas exerçam a sua escolha. Infelizmente, no final eles ganharam na pressão. Mas, as repostas contra situações como essas virão das urnas em 05 de outubro, quando a maioria dos baianos dará adeus a essa forma de fazer política com intimidação”, disse.

PARTICIPAÇÃO DE EX-DEPENDENTES É DESTAQUE NO 1º ENCONTRO DE CAPACITAÇÃO PARA CUIDADORES

Quem encontra Ivanildo Pereira Alves atualmente – saudável, alinhado, com boa aparência e convivência familiar amorosa – não imagina os problemas que ele já enfrentou por causa da dependência química. Problemas estes, que só foram superados após Ivanildo receber por sete anos o apoio de uma comunidade terapêutica de Itabuna. Dada a volta por cima, Ivanildo decidiu ajudar outras pessoas que precisavam ser recuperadas e hoje é um dos cuidadores que participam do 1º Encontro de Capacitação para Cuidadores de Dependentes Químicos, realizado nesta sexta-feira, pela Comunidade Renascer em parceria com a Prefeitura de Itabuna. Para o prefeito Claudevane Leite exemplos como o de Ivanildo reforçam a necessidade das comunidades terapêuticas e da capacitação para os cuidadores. Ao participar da abertura do evento no Teatro Zélia Lessa Vane destacou a satisfação em ver pessoas como Ivanildo voltar recuperadas e passar a cuidar e se preocupar com o outro. Ele lembrou que as diversas palestras realizadas ao longo do dia vão passar muito conhecimento para todos aqueles que têm interesse em cuidar de forma ampla de pessoas com dependência química. O prefeito também orientou os participantes a buscar a regularização das instituições para que possam crescer ainda mais. “Os programas culturais do Município têm assistido muitos jovens e adolescentes e ampliado o combate às drogas e à violência em Itabuna. Queremos fazer muito mais. Com o interesse da Prefeitura e esse trabalho de vocês nós vamos conseguir”, assegurou o prefeito. Por sua vez, o secretário da Assistência Social, José Carlos Trindade, destacou a importância do Programa Crack é Possível Vencer, que fomenta o combate às drogas em parceria com o governo federal. Já Ivanildo, atualmente cuidador de dependentes químicos, descreveu que a dependência deixa a pessoa presa e somente com a ajuda do próximo é possível se reerguer. “Tive um encontro infeliz com o crack, mas na Comunidade Renascer encontrei um aconchego maior. Aprendi a cuidar da minha família, dar amor a meu filho e me tornar um cidadão de bem”, explicou, destacando que estar hoje numa capacitação para cuidadores é uma alegria e também uma vitória. “Vou aprender a cuidar melhor das pessoas, passar a minha experiência e vou utilizar também o que estou aprendendo aqui”, afirmou. Além de palestras, o evento consta de apresentações culturais e orientações administrativas para que as instituições se organizem. A coordenação estima que 150 pessoas participem da capacitação que segue até às 17 horas de hoje e continua amanhã quando, após as palestras, serão entregues os certificados aos participantes com frequência comprovada.

30 de maio de 2014

AS INVERSÕES E PERSPECTIVAS ENTRE AUGUSTO CASTRO E CORONEL SANTANA

Os únicos dois deputados estaduais, domiciliados eleitoralmente em Itabuna, vivem momentos atuais e perspectivas diferentes do que ocorreu nas eleições passadas. Em 2010, o coronel Gilberto Santana (PTN) teve votação mais que dobrada do resultado obtido por Augusto Castro (PSDB), entre os itabunenses. Naquele momento, Santana convergiu apoios de lideranças que não mais estão com ele em sua reeleição. E seu mandato tem sido desfocado de Itabuna. Suas aparições são raras e quase apáticas e seu desempenho político, não tem convergido reposição de contigente perdido. A atuação e os assessores do coronel, não estão conseguindo patentear melhor inserção do seu mandato na cidade. A perspectiva é que sua votação em outubro próximo, se restrinja a metade daquela que o ajudou a ser eleito. Entretanto, informações revelam que o coronel está tendo apoios fortes em dezenas de cidades, onde ele não teve boas votações e que este fato o assegurará vitória em sua pretensão de ser reeleito. Esta situação pode sim reconduzir Santana à Assembleia Legislativa, mas o distancia bastante da poltrona de prefeito. Enquanto o Coronel Santana é submetido à condição de limitações eleitorais em Itabuna, nos tempos atuais, o que se percebe é um desempenho mais pujante, intrépido, constante e convergente do tucano Augusto Castro, que tem ampliado sua base e conseguido ocupar espaços variados e consolidados em diversos seguimentos da sociedade de Itabuna. Isto lhe cria clima favorável e caso se confirme nas urnas, que sua votação mais que dobrará em 2014, resultará no surgimento de competitividade que o fará prefeiturável em 2016. E o menino de origem pobre da periferia de Itabuna, que conseguiu ser eleito deputado estadual, poderá fazer a história registrar, que um líder comunitário do bairro Pedro Jerônimo chegou ao topo do poder público municipal. O tempo está passando; os votos estão sendo buscados e quem viver verá!

PV CONFIRMA APOIO A PAULO SOUTO


Com o tempo curto, os partidos que ainda não tinham definido seus apoios às chapas majoritárias começam a declarar suas posições. Na quinta-feira (29/5) foi o caso do PV. Após transitar entre as três chapas líderes das últimas pesquisas, o ex-governador da Bahia e pré-candidato oposicionista, Paulo Souto (DEM), foi o agraciado com o indicativo de apoio dos verdes. O fato foi confirmado pelo presidente da legenda, Alan Lacerda (PV), que ainda garantiu a entrega de um documento compondo 43 propostas ao candidato do DEM. O alinhamento segue a mesma posição da agremiação em Salvador, que, além de ter o vereador Marcel Moraes (PV) como integrante da base de apoio do prefeito ACM Neto (DEM), detém a indicação da Secretaria Cidade Sustentável, hoje capitaneada por André Fraga e assim não cortaria o vínculo já existente com os democratas. Cortejado por todos os lados, o PV ensaiou unidade com a senadora Lídice da Mata (PSB), cuja cotação para ter a indicação da vice na majoritária foi um dos assuntos destacados pela mídia. O nome da vice-prefeita de Salvador, Célia Sacramento, chegou a ser cotado ao posto. Também houve um ensaio de diálogo de retorno à base do PT, partido ao qual já esteve unido na eleição de 2006, ano que levou à derrota de Paulo Souto, e que, após imbróglios internos, rompeu. No pleito seguinte, o PV chegou a lançar candidatura ao Palácio de Ondina com Bassuma, em 2010, que obteve mais de 253 mil votos.

DILMA DEVE INDICAR SUBSTITUTO DE BARBOSA


Com a aposentadoria de Joaquim Barbosa do Supremo Tribunal Federal (STF) uma nova vaga a ser preenchida por uma indicação da presidente Dilma Rousseff. Será o quinto ministro da atual composição a ser escolhido por Dilma. Dois nomes são cotados: o atual ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo; e o advogado-geral da União, Luís Inácio Adams que, antes apontado como favorito, hoje correria por fora. O problema é que, desta vez, a indicação poderá coincidir com o período eleitoral, entre julho e outubro. Isso porque Barbosa deixa o tribunal no final de junho. O Congresso estará de recesso oficial em julho e no chamado "recesso branco" durante o período eleitoral, o que pode esvaziar a obrigatória sabatina a que os nomeados têm de passar pelo Senado.

FIFA PROÍBE PROTESTOS DURANTE EXIBIÇÃO DA TAÇA DA COPA DO MUNDO EM SP


Preocupada com a possibilidade de protestos, a Fifa decidiu proibir, através de um regulamento, qualquer tipo de manifestação. Um código de conduta está visível a todos que desejam entrar do evento de visitação ao troféu no Shopping Metrô Itaquera. O artigo 18 fala que "pela segurança e conforto de todos, não estão permitidas manifestações ou condutas individuais ou coletivas que sejam ofensivas, imorais, discriminatórias, religiosas, políticas ou quaisquer outras que atentem contra o evento e seus participantes, a Coca-Cola, a Fifa e ou que violem o espírito desportivo e recreativo deste evento". Nas últimas semanas, diversos protestos contra a realização da Copa ocorreram nas principais cidades do Brasil. Há dois dias, a exposição da taça teve que ser interrompida em Brasília devido a confronto entre policiais e manifestantes. O troféu da Copa do Mundo ficará em exposição em São Paulo até o próximo domingo, 1º de junho. Depois, será devolvido à Fifa. Por Pedro Taveira.